Home » ECONOMIA » Inadimplência mundial pode chegar a US$ 19 trilhões

Inadimplência mundial pode chegar a US$ 19 trilhões

Diretora do FMI alerta para enfraquecimento da economia este ano.

O crescimento da economia mundial este ano cairá para a sua taxa mais baixa desde o início desta década, alertou a nova diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, em seu primeiro discurso no cargo. A búlgara assumiu em 1º de outubro, em lugar da francesa Christine Lagarde.
Georgieva afirmou que, se a situação continuar, “a dívida corporativa em risco de inadimplência pode aumentar para US$ 19 trilhões, ou 40% do total da dívida em oito das grandes economias”.
Há dois anos, 75% do PIB do planeta apresentava expansão. Em 2019, perto de 90% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial deve reduzir o ritmo, pois a economia global está em desaceleração sincronizada, uma situação bem diferente da registrada.
Sobre os países emergentes, a diretora-geral citou o Brasil e a Índia, dois países em que a economia está perdendo fôlego. Disse ainda que a China também não terá a mesma taxa de crescimento dos outros anos.
A economista búlgara culpou as tensões comerciais pelo enfraquecimento substancial da atividade industrial e do investimento em todo o mundo. “Existe um sério risco de que serviços e consumo sejam afetados em breve”, admitiu.
Kristalina Georgieva afirmou que as falências no comércio internacional podem levar a mudanças que duram uma geração inteira, e que não estão descartadas “cadeias de suprimentos quebradas, setores comerciais isolados, um ‘Muro Digital de Berlim’ que força a países a escolher entre sistemas tecnológicos”.

About admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

x

Check Also

Pleno emprego não custa 1/3 do gasto com juros

Projeto na Câmara coloca o Estado como empregador de última instância, com benefícios sociais e ...