Home » EDUCAÇÃO » Professores da rede municipal utilizam kits com amplificadores de voz para preservar saúde vocal

Professores da rede municipal utilizam kits com amplificadores de voz para preservar saúde vocal

A professora Edilene Gomes dos Santos, da Escola Amércio Falcão, sempre esteve às voltas com problemas envolvendo a voz desde que começou a lecionar. Rouquidão, dor na garganta e perda de voz eram as queixas mais freqüentes. A situação só mudou quando ela começou a usar os amplificadores de voz que estão sendo fornecidos aos professores da rede municipal de ensino de João Pessoa.

Na manhã desta quinta-feira (12), durante a cerimônia de encerramento do ano letivo na rede municipal, foram entregues aos professores mais 123 kits contendo bolsa, garrafa térmica e os amplificadores. Desde agosto, 600 professores já estavam usando o equipamento. O objetivo é que até o início do próximo ano letivo mais 4,5 mil amplificadores sejam entregues.

Edilene Gomes conta que em salas de aula com muitos alunos, os professores sequer conseguem elevar o volume da voz o suficiente para que todos ouçam em uma altura que possibilite a compreensão. Isso não apenas prejudica o rendimento de alguns estudantes, como desgastava demais as cordas vocais dos professores.

“A quantidade de alunos que temos nas salas é muito grande. Com o amplificador, eles escutam melhor e assim prestam mais atenção nas aulas. Eu amei e estou usando sempre. Inclusive foi fundamental nos ensaios das comemorações de fim de ano na escola”, comentou a professora.

Para a Secretária de EducaçãoEdilma Freire, este é um exemplo da preocupação da gestão com a valorização da categoria. “O kit trabalha a saúde do professor. O cuidado com esse profissional é um carinho que a gente tem investido para que eles possam estar cada dia mais motivados para exercer sua função que é tão importante para uma sociedade”, disse.

Ela explicou que todo o desgaste que o professor sofre em sala de aula tem sido levado em consideração pela gestão. “É uma profissão sobre a qual a gente precisa fazer algo extraordinário todos os dias para motivar o aluno, por isso temos o prazer de investir nesse profissional”, afirma.

Saúde – Durante a cerimônia de encerramento do ano letivo, a professora universitária Fabiana Bonfim, especialista em voz, falou sobre a importância da voz na atividade docente e destacou o quanto é alta a prevalência de distúrbios de voz entre esses profissionais e que eles precisam se alertar e se cuidar. “Estamos em parceria com a secretaria desde 2012, realizando projetos e a prevalência de 86% de distúrbios de voz na categoria nos chama atenção para a necessidade de cuidado”, revelou a professora.

Ela conta que o uso de microfones por professores é uma tendência muito forte em alguns países, mas no Brasil apenas João Pessoa e Recife fazem uso desse equipamento em larga escala na rede pública. “Estamos aqui para mostrar que tem que cuidar da voz e não continuar com muitos comportamentos como falar muito alto e ir calibrando o microfone, o que nas pesquisas internacionais aparece como uma contribuição muito positiva na prevenção de distúrbios de voz.

About admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

x

Check Also

Três alunos do GEO são homenageados no esporte paraibano e um deles recebe distinção de melhor do ano no Desporto

Os alunos do GEO Tambaú Nina Gondim (3ª Série do Ensino Médio), Maria Clara Costa ...