Home » INTERNACIONAL » Senado retira imunidade parlamentar de Matteo Salvini
Salvini pode ser responsabilizado judicialmente por rígida política anti-imigração

Senado retira imunidade parlamentar de Matteo Salvini

Legislativo italiano abre caminho para que líder de extrema direita seja processado por impedir desembarque de migrantes na sua gestão como ministro do Interior. Ele pode ser condenado a até 15 anos de prisão.

O Senado italiano decidiu nesta quarta-feira (12/02) retirar a imunidade parlamentar do ex-ministro do Interior Matteo Salvini. Foram 152 votos a favor e 76 contra a remoção da proteção legal que o impedia de ser julgado.

A decisão abre caminho para que o político seja processado por causa de sua política rígida contra refugiados durante seu período como ministro do Interior e vice-premiê italiano.

Salvini, que é chefe do partido de extrema direita Liga, é acusado de “abuso de poder” e “privação de liberdade” por um tribunal em Catania, na Sicília. O resultado da decisão foi exibido brevemente em um placar eletrônico no Senado. Oficialmente, entretanto, o anúncio foi confirmado horas depois.

O caso na Catania ocorreu em julho passado, quando Salvini impediu que 116 migrantes desembarcassem do navio Gregoretti, da guarda costeira italiana. Responsável por um curso linha-dura em política de refugiados quando fazia parte do governo italiano, ele se recusou a permitir que o navio entrasse em um porto italiano por vários dias.

“Defendi a Itália. Tenho total e completa fé no sistema judiciário”, afirmou Salvini após a votação. “Não estou preocupado e tenho orgulho do que fiz”, disse ele, acrescentando que “faria de novo quando voltar ao poder”.

O ex-ministro pode pegar uma pena de até 15 anos de prisão se for condenado. Além disso, pode ser banido de atividades políticas por até oito anos.

Em janeiro, o comitê parlamentar responsável pelo caso já havia votado a favor da retirada da imunidade de Salvini.

About admin

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

x

Check Also

Potências renovam compromisso com embargo de armas na Líbia

Na Conferência de Munique, representante da ONU diz que proibição ao comércio de armas com ...