Milhares de pessoas protestam contra Macron na França

Milhares de franceses, entre eles inúmeros ferroviários, protestaram nesta quinta-feira (19) em mais de 130 mobilizações em toda a França contra o presidente, Emmanuel Macron.

“Macron, presidente dos ricos”, ou “Macron, arrogante”, eram alguns dos lemas nos cartazes dos manifestantes de Montpellier (sul), onde mil pessoas foram às ruas, segundo a polícia. Na manifestação de Paris, convocada – como as demais – pelos sindicatos CGT e Solidaires, participaram 15.300 pessoas, segundo o escritório Occurrence, 11.500 de acordo com a Prefeitura e 50 mil para a CGT.

Na capital, o secretário-geral da CGT, Philippe Martinez, pediu para o governo “deixar de nos confundir com idiotas e dizer o que quer”. Houve alguns confrontos entre manifestantes e policiais, que usaram gases lacrimogêneos. Um grupo de pessoas encapuzadas vandalizou a fachada de um hotel.

O protesto se estendeu para outras cidades como Marselha (sudeste), onde a Occurrence contou 5.700 manifestantes. Em Lyon (leste), a polícia contabilizou 4.400 manifestantes, e em Rennes (oeste), 4.500.

Além disso, 22,7% dos funcionários da companhia ferroviária francesa SNCF – incluindo 66,4% dos maquinistas – paralisaram nesta quinta contra a reforma do setor, que dá fim à estabilidade do emprego para novos contratados.

Cerca de 30 de ferroviários bloquearam o tráfego na estação de Lille (norte) pela manhã.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

%d blogueiros gostam disto: