Connect with us

Nacional

Como calcular os votos para eleição de vereador 2020

O cálculo de votos para a eleição de vereador leva em consideração conceitos complexos como quociente eleitoral, quociente partidário, média, sobras…

Isso decorre do fato da eleição de vereadores ser baseada no sistema proporcional de votação, por meio do qual, nem sempre quem tem o maior número de votos é eleito. Por isso, um dos maiores problemas de planejar uma campanha eleitoral para vereador é calcular o número de votos necessários para eleger a maior quantidade de candidatos possível. Com o fim das coligações partidárias proporcionais para as eleições municipais de 2020, esse assunto tornou-se ainda mais relevante.

Para facilitar a definição das estratégias por parte dos dirigentes das legendas e dos pré-candidatos, inclusive para auxiliar na decisão de filiação partidária, o advogado do QBB Advocacia, Caio Vitor Barbosa, e o consultor contábil Daniel Simonetti elaboraram a Planilha Eleição Vereador 2020.

Baixe a Planilha de Cálculo de Votos para Eleger Vereador em 2020 clicando aqui.

Veja como a Planilha funciona neste vídeo:

A mudança da regra eleitoral para evitar o “efeito Tiririca”.

Em 2015, para evitar o fenômeno de “puxadores de votos”, que resultava na eleição de vereadores com pouquíssimos votos, foi criada uma regra (art. 108 do Código Eleitoral), a qual determina que, para ser eleito, o vereador precisa ter, pelo menos 10% do quociente eleitoral.

Com essa norma, os vereadores precisam ter um número mínimo de votos para poder ter condições de ser eleito.

Possibilidade de partidos que não atingiram o quociente eleitoral disputarem as vagas de sobra.

A reforma eleitoral de 2017 também alterou o sistema de eleição proporcional, alterando o art. 109§ 2º, do Código Eleitoral, permitindo aos partidos que não alcançarem o número de votos do quociente eleitoral participarem da distribuição das vagas obtidas por meio da média.

Essa regra acaba favorecendo partidos com menor expressão ou com candidaturas alternativas, que tenham como estratégia a disputa da vaga de sobra.

Para entender melhor as regras de cálculo, usamos os exemplos e texto utilizados pelo TSE neste artigo (veja aqui), o qual esclarece os conceitos de quocientes eleitoral e partidário, média e sobras, a seguir. Foram atualizadas as informações em relação às regras de 2020, visto que tal artigo se refere às eleições de 2016.

Como se calcula o número de vagas por partido?

Conforme o art. 8º da Resolução do TSE n.º 23.611/2019, o quociente eleitoral é “determinado pela divisão da quantidade de votos válidos apurados pelo número de vagas a preencher, desprezando-se a fração, se igual ou inferior a 0,5 (meio), ou arredondando-se para 1 (um), se superior (Código Eleitoral, art. 106)”. Isso significa que:

QE = nº de votos válidos da eleição/ nº de lugares a preencher

Nas eleições municipais, o número de votos válidos será dividido pelo número de cadeiras das respectivas Câmaras Municipais.

Para exemplificar, vamos supor que o número de votos válidos apurados em um pleito de determinado município seja 1.000, e que existam 10 cadeiras a preencher na respectiva Câmara Municipal. Neste caso, o cálculo será o seguinte:

Nº de votos válidos = 1.000 / nº de vagas a preencher = 10, então QE = 100

De posse do Quociente Eleitoral, é necessário calcular o chamado Quociente Partidário. Segundo o art. 9º da Resolução TSE nº 23.611/2019, o “quociente partidário é determinado pela divisão da quantidade de votos válidos dados sob o mesmo partido político pelo quociente eleitoral, desprezada a fração (Código Eleitoral, art. 107).”. Ou seja:

QP = nº votos válidos recebidos pelo partido / QE

Exemplo: se no mesmo pleito o partido recebeu 200 votos válidos, o cálculo será o seguinte:

Nº de votos válidos recebidos pelo partido = 200 / QE = 100, então QP = 2

Após os dois cálculos, é possível concluir que o partido terá direito a duas vagas naquela Câmara Municipal, que deverão ser distribuídas entre os seus dois candidatos mais bem colocados.

Cálculo por quociente partidário

Em uma eleição proporcional, é possível que, após a distribuição das vagas entre os partidos, restem cadeiras para serem preenchidas, as chamadas “sobras”. Estas serão distribuídas por um cálculo conhecido como “Média”.

Veja o exemplo a seguir para a eleição de determinada Câmara Municipal, na qual existam 10 cadeiras para ser preenchidas e quatro partidos na disputa:

Partido 1 – obteve 200 votos – QP = (200/100) = 2,0 → ele terá direito a 2 vagas

Partido 2 – obteve 140 votos – QP = (140/100) = 1,4 → ele terá direito a 1 vaga

Partido 3 – obteve 350 votos – QP = (350/100) = 3,5 → ele terá direito a 3 vagas

Partido 4 – obteve 310 votos – QP = (310/100) = 3,1 → ele terá direito a 3 vagas

Total de vagas obtidas pelos partidos = 9

Conclusão: Sobrou 1 vaga que, por sua vez, deverá ser distribuída por média.

1 vaga pelo desprezo das frações no cálculo do QP

Sistema proporcional não leva em conta apenas o candidato escolhido. Entenda o cálculo para o preenchimento das vagas parlamentares no Brasil.

Cálculo das sobras

A distribuição destas vagas que sobraram será feita conforme o art. 10 da Resolução TSE nº 23.611/2019. Segundo o dispositivo, os lugares não preenchidos com a aplicação do QP e a exigência de votação nominal mínima serão distribuídos por média.

O cálculo será feito da seguinte forma: o número de votos válidos atribuídos a cada partido político será dividido pelo valor do quociente partidário somado às vagas obtidas por média mais um, cabendo à legenda “que apresentar a maior média (…), desde que tenha candidato que atenda à exigência de votação nominal mínima (Código Eleitoral, art. 109I)”. Isto é:

Média = votos válidos recebidos pelo partido /(vagas obtidas por QP + vagas obtidas por média) + 1

Então, seguindo com o nosso exemplo, vamos ao cálculo das médias:

Partido 1 – obteve 200 votos/2 vagas obtidas por QP + 0 vagas obtidas por média + 1 = 66,66

Partido 2 – obteve 140 votos/1 vaga obtida por QP + 0 vagas obtidas por média + 1= 70

Partido 3 – obteve 350 votos/3 vagas obtidas por QP + 0 vagas obtidas por média +1 = 87,5

Partido 4 – obteve 310 votos/3 vagas obtidas por QP + 0 vagas obtidas por média +1 = 77,5

A primeira vaga das sobras foi distribuída para o Partido 3, que obteve a maior média e possui candidato com votação mínima para ser eleito.

De acordo com a legislação, a primeira vaga das sobras será destinada ao partido que obtiver a maior média, conforme exemplo acima. Caso sobre uma segunda vaga, deverá ser feito novo cálculo, mantendo-se o mesmo dividendo e incluindo no divisor do partido que ganhou a primeira vaga mais uma vaga (a da primeira sobra). Em resumo, este novo cálculo será:

Partido 1 – obteve 200 votos/2 vagas obtidas por QP + 0 vagas obtidas por média + 1 = 66,66

Partido 2 – obteve 140 votos/1 vaga obtida por QP + 0 vagas obtidas por média + 1 = 70

Partido 3 – obteve 350 votos/3 vagas obtidas por QP + 1 vaga obtida por média + 1= 70

Partido 4 – obteve 310 votos/3 vagas obtidas por QP + 0 vagas obtidas por média + 1 = 77,5

A segunda vaga das sobras seria distribuída para o Partido 4, que obteve a maior média na segunda execução do cálculo da média e possui candidato com votação mínima.

Esta operação será repetida quantas vezes forem necessárias até o preenchimento de todas as vagas.

Parceiros

TV CÂMARA MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA – CMJP AO VIVO

 

CALENDÁRIO

setembro 2020
D S T Q Q S S
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Grupo do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Portal Informa Paraíba

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias

TWITTER DO PORTAL INFORMA PARAÍBA

www.informaparaiba.com.br

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias.

Página do Portal Informa Paraíba (Facebook)

ENTRETENIMENTO4 horas ago

Jaccy lança seu novo single “Festa Junina” com Feat do cantor Vanderson Araújo da Mastruz com Leite

Politíca4 horas ago

Pollyanna Dutra cumpre agenda na Fiep e articula projetos para retomada econômica pós-pandemia na PB

Politíca4 horas ago

Na luta pela vacinação dos policiais, Eliza elogia Governo por imunização da Segurança Pública

Esporte4 horas ago

Empresários paraibanos assinam convênio para a implementação de primeiro kartódromo sustentável no Brasil

ESTADO4 horas ago

Trabalhadores do setor sucroenergético recebem vacinação contra o coronavírus

CIDADE10 horas ago

Secretária Ana Cláudia acompanha entrega de mil refeições diárias a pessoas carentes pelo Governo do Estado em Campina Grande

Esporte10 horas ago

João Pessoa deve sediar corrida ciclística Grand Fondo no mês de outubro

Judiciário11 horas ago

Justiça Federal na Paraíba se prepara para implantar nova plataforma de mediação e conciliação virtual

Politíca11 horas ago

Gervásio vota contra privatização da Eletrobras e diz que PSB vai à justiça contra sanção do texto

Politíca11 horas ago

Eduardo se reúne com Aguinaldo Ribeiro e prefeita de Pitimbu e garante investimentos para o município

CIDADE11 horas ago

Câmara promove sessão especial sobre Reforma Tributária com participação de Aguinaldo Ribeiro

Segurança Pública11 horas ago

PRF inicia Operação São João 2021 amanhã nas rodovias federais da Paraíba

ESTADO12 horas ago

João Azevêdo lança calendário de audiências do Orçamento Democrático Estadual

Educação & Cultura12 horas ago

Projeto da UFPB é selecionado em chamada pública para incentivar participação de garotas na Ciência da Computação

ESTADO12 horas ago

Governo inicia obra do Parque Linear Parahyba III nesta segunda-feira

CIDADE12 horas ago

Centro Reabilitação Física de Conde intensifica ações e atenderá pacientes de diversas cidades do litoral Sul

Segurança Pública21 horas ago

Guarda Civil Metropolitana passa por curso ministrado por campeão mundial de tiro

Segurança Pública21 horas ago

Segurança aplica novo lote de vacinas e a meta é imunizar todo efetivo contra o coronavírus até a próxima semana

Segurança Pública21 horas ago

Fundac firma parceria com a Seap e socioeducandos vão aprender a confeccionar vassouras ecológicas

ECONOMIA21 horas ago

Empréstimo na conta de energia elétrica é confiável? Descubra como funciona

Agricultura e Pecuária11 meses ago

Akatsuki: todos os membros, a história e poderes de cada um | Naruto

Agricultura e Pecuária10 meses ago

Saga Crepúsculo: a ordem correta para assistir aos filmes

Internacional10 meses ago

Polícia invade orgia gay “regada a drogas” de padres do Vaticano

Saúde11 meses ago

Engolir esperma pode ser uma arma contra o coronavírus?

Nacional9 meses ago

Como calcular os votos para eleição de vereador 2020

Internacional8 meses ago

Imagens mostram Joe Biden em atitude imprópria com crianças

CIDADE10 meses ago

Tentaram assassinar a pré-candidata a prefeita da cidade do Conde Karla Pimentel

Internacional11 meses ago

Cidades dos EUA registram confrontos em atos antirracismo

Judiciário11 meses ago

Política Nacional de Turismo não impede cobrança de direitos autorais em estabelecimentos de hospedagem

Internacional11 meses ago

Economia alemã tem retração histórica

Nacional11 meses ago

Estados e municípios poderão ter mais prazo para se adequarem à reforma da Previdência

Agricultura e Pecuária11 meses ago

30 espécies de morcegos muito bizarras para serem consideradas morcegos

Tecnologia5 meses ago

Facebook admite que “cometeu um erro” ao censurar hidroxicloroquina

Nacional11 meses ago

Senadores avaliam queda da arrecadação federal e aumento da previsão de deficit

CIDADE5 meses ago

“Animais jamais serão sacrificados na nossa cidade”, diz prefeito de cidade paraibana de Brejo do Cruz

Agricultura e Pecuária10 meses ago

Stranger Things | Teoria sugere que Demogorgon é alguém que já conhecemos

CIDADE8 meses ago

Juiz vê “gritante contradição” e determina suspensão de pesquisa Datavox em Bayeux sob pena de multa de R$ 100 mil

CIDADE7 meses ago

MAIS UM ESCÂNDALO EM BAYEUX: vereadores são “obrigados” a assinar carta-renúncia e fazer um pré-acordo na tentativa de eleger Noquinha o presidente da Câmara; entenda

Tecnologia6 meses ago

AMPLIAÇÃO DO ACESSO À INTERNET NO CAMPO AUMENTARIA O PIB EM ATÉ 1,2% AO ANO

CIDADE9 meses ago

CONDE – Policia atira por trás e quase assassina Karla Pimentel

Parceiros

INFORMA PARAÍBA

    Parceiros

    Vejam também

    pt_BRPortuguês do Brasil
    Powered by TranslatePress »