Connect with us

Educação & Cultura

Promotoria de Jacaraú recomenda medidas sobre funcionamento de escolas na pandemia

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) recomendou aos prefeitos e secretários de Educação dos municípios de Jacaraú, Pedro Régis, Curral de Cima e Lagoa de Dentro, uma série de medidas a serem adotadas em relação ao funcionamento das escolas no contexto da pandemia da covid-19. A recomendação expedida pela promotora de Justiça de Jacaraú, Carmem Perazzo, que atua na defesa da educação, estabelece providências a serem adotadas pelos gestores em três situações: a primeira traz o cenário com condições epidemiológicas favoráveis que levem os municípios a autorizarem a reabertura das escolas em seu território; a segunda e a terceira situações consideram o cenário epidemiológico desfavorável à reabertura das atividades escolares, em todas as escolas (segunda situação) ou apenas nas escolas municipais (terceira situação), em razão de questões estruturais.

Conforme explicou a promotora de Justiça, o Ministério Público entende que a educação deve ser encarada pelos gestores e pela sociedade como um serviço essencial, cujo funcionamento tem se mostrado fundamental para o desenvolvimento global de crianças e adolescentes e estratégico inclusive no enfrentamento de violências e vulnerabilidades sociais que atingem famílias e o público infantojuvenil.

É por essa razão, e pelo fato de a evasão escolar ter sido acentuada pela pandemia e pela suspensão das aulas presenciais que, passado um ano da crise epidemiológica provocada pelo novo coronavírus, as promotorias de Justiça têm cobrado dos gestores a adoção das medidas necessárias para garantir o exercício do direito à educação de qualidade.

Ensino presencial

Segundo a promotora, cabe às secretarias de Educação (estadual ou municipais), com o apoio das respectivas secretarias de Saúde, e às instituições privadas de ensino, a definição das estratégias concretas para viabilizar, em sua rede ou em sua instituição, a retomada das atividades presenciais nas escolas sob sua responsabilidade, elaborando, em conjunto com a saúde e a comunidade escolar locais, os planos de reabertura.

“No retorno das atividades escolares presenciais, os municípios deverão estar preparados para agir da forma responsável, tanto no âmbito da segurança e da saúde da comunidade escolar e da população, como um todo, como na questão do direito a uma educação de qualidade. A retomada das aulas presenciais exige amplo planejamento dos gestores locais, imperioso se mostra que o município, ainda que não autorize a retomada imediata em seu território, inicie, o quanto antes, o planejamento das ações necessárias para sua viabilização em momento oportuno”, destacou Perazzo.

A promotora de Justiça determinou prazo de 15 dias para que os municípios informem por escrito o cumprimento ou não da recomendação. Cópia dela também foi enviada aos Conselhos Municipais de Educação, para conhecimento e exercício de sua função de controle social.

Confira algumas das medidas recomendadas

Situação 1: Caso o município decida, a partir de condições epidemiológicas favoráveis, autorizar a reabertura das escolas em seu território:

1. Adotar, no prazo máximo de 15 dias, as medidas necessárias para construção dos planos de retorno às atividades escolares presenciais, com parâmetros e orientações à comunidade escolar, seguindo os protocolos sanitários das secretarias de Saúde do Estado e do Município;

2. Apresentar, no prazo de 15 dias, plano de ação (ou complementação, caso já exista) visando à retomada das atividades escolares presenciais, indicando os critérios sanitários e epidemiológicos para definição das etapas da retomada do ensino presencial de forma progressiva, ancorados em estudos técnicos elaborados pelas autoridades sanitárias com base em dados oficiais, bem como o cronograma detalhado para a retomada das atividades presenciais contemplando cada ano/série de ensino;

3. Especificar os protocolos de segurança sanitária a serem adotados visando à contenção da disseminação da covid-19 no ambiente escolar;

4. Especificar as medidas a serem adotadas para garantia da ampla publicidade do plano de ação, bem como dos critérios estabelecidos para cada etapa do processo de retomada, dando transparência às decisões e medidas pelo site da Secretaria de Educação e outros canais de comunicação institucional, com ampla divulgação nas escolas da rede de ensino, bem como através do envio ao Promotor de Justiça a cada 10 dias de relatório de monitoramento do cumprimento desse plano;

5. Apresentar, no prazo máximo de 15 dias, dados que demonstrem que as escolas municipais possuem condições adequadas para o cumprimento das exigências sanitárias e relatório circunstanciado a respeito das unidades de ensino da rede particular que comprovem o cumprimento dos protocolos sanitários e de biossegurança;

6. Garantir aos pais ou responsável o direito de optar pela manutenção do seu filho em atividades não presenciais e a disponibilidade oferta de atividades compatíveis com essa opção;

7. Elaborar cronograma local, por parte da Vigilância Sanitária Municipal em conjunto com os comitês formados à nível municipal e por escola, para realização de inspeções sanitárias periódicas nas instituições de ensino, para verificação das condições sanitárias, pedagógicas e humanas adequadas ao retorno presencial das atividades.

Situação 2: Caso o Município decida, a partir de condições epidemiológicas desfavoráveis, NÃO autorizar a reabertura das escolas em seu território:

1. Promover a revisão, a cada 21 dias, da análise epidemiológica local que justificou a não reabertura das escolas;

2. Fazer cumprir as mesmas medidas de suspensão das atividades em relação a bares, cinemas e igrejas e demais atividades equiparadas ou não essenciais, exercendo o seu poder de polícia, bem como instaurando o competente procedimento administrativo para imposição das penalidades administrativas correspondentes, sob pena de caracterização do dolo imprescindível à configuração dos ilícitos previstos no artigo 11 da Lei de Improbidade Administrativa e no artigo 1º, inciso XIV do Decreto-Lei nº 201/1967;

3. Adotar, no prazo máximo de 15 dias, as medidas necessárias para construção dos planos de retorno às atividades escolares presenciais, contendo parâmetros e orientações à comunidade escolar, seguindo os protocolos sanitários das secretarias de Saúde do Estado e do Município;

4. Garantir aos pais ou responsável, quando da retomada das aulas presenciais, o direito de optar pela manutenção do seu filho em atividades não presenciais e a disponibilidade e oferta de atividades compatíveis com essa opção;

5. Dar ampla publicidade aos planos de retorno às atividades escolares presenciais, a fim de garantir conhecimento a toda a comunidade escolar (familiares, estudantes, corpo docente e pessoal administrativo das escolas), aos órgãos de controle social e aos órgãos de proteção;

6. Elaborar cronograma local, por parte da Vigilância Sanitária Municipal em conjunto com os comitês constituídos, para realização de inspeções sanitárias sistemáticas nas escolas localizadas no território, verificando se vêm sendo implementadas medidas sanitárias, pedagógicas e humanas adequadas ao retorno presencial a curto prazo.

Situação 3: Caso o Município decida, a partir de condições exclusivas atribuídas à sua rede de ensino, NÃO autorizar a reabertura APENAS para as ESCOLAS MUNICIPAIS:

1. Além das medidas previstas nos itens 1 a 5 da situação anterior, os gestores municipais deverão realizar e apresentar diagnóstico das condições de infraestrutura, POR ESCOLA da rede municipal de ensino, que justifique a impossibilidade de retomada das aulas presenciais, indicando as razões concretas que fundamentam sua decisão;

2. Apresentar, a partir do diagnóstico realizado, o planejamento das ações e adequações estruturais necessárias ao ambiente escolar, com seu respectivo cronograma e previsão de custos, a fim de que sejam garantidas as condições sanitárias indispensáveis ao retorno presencial das atividades escolares. Esse cronograma deverá contemplar a possibilidade de reabertura, AINDA QUE GRADUAL, das escolas da rede municipal, que estiverem adequadas aos protocolos sanitários, considerando as suas peculiaridades e diversas realidades;

3. Apresentar, no prazo máximo de 15 dias, a previsão de ampliação da oferta de atividades pedagógicas não presenciais, de todos os componentes curriculares dos níveis/séries do ensino infantil e fundamental anos iniciais e finais da educação básica, garantindo-se a universalização do acesso a todos os alunos matriculados na rede municipal de ensino.

Parceiros
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

TV CÂMARA MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA – CMJP AO VIVO

 

CALENDÁRIO

março 2021
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Grupo do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Portal Informa Paraíba

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias

Página do Portal Informa Paraíba (Facebook)

ECONOMIA5 horas ago

BRASIL AUMENTA EM 3% RECEITA COM EXPORTAÇÕES DE FRUTAS

Saúde6 horas ago

COVID-19 E VITAMINA D: AS FALHAS DE ESTUDO QUE LEVARAM A DESINFORMAÇÃO

Saúde6 horas ago

MÁSCARA DE PANO É EFICAZ? QUANDO DEVO USAR A PFF2?

ECONOMIA6 horas ago

CONAB CALCULA QUE SAFRA DESTE ANO SUPERA 270 MILHÕES DE TONELADAS

Tecnologia6 horas ago

VAZAMENTO DE DADOS: O QUE FAZER?

Tecnologia7 horas ago

COMO O TRABALHO EM PLATAFORMA ESTÁ MUDANDO O MUNDO LABORAL

CONCURSO E EMPREGO7 horas ago

FERROVIA DE INTEGRAÇÃO OESTE-LESTE DEVE GERAR 55 MIL EMPREGOS

Tecnologia7 horas ago

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL AJUDA RECRUTADO PROFISSIONAIS PARA VAGAS

Politíca2 dias ago

Pollyanna Dutra lamenta o falecimento do presidente da Câmara de Vereadores de Catolé do Rocha, Ubanaldo Melo

CONCURSO E EMPREGO2 dias ago

12ª Vara Federal convoca candidatos da seleção de estagiários de Direito para a fase de entrevistas

ESTADO2 dias ago

Paraíba é o estado que mais aplicou vacina na faixa etária de 70 a 79 anos

Tecnologia2 dias ago

Um futuro não tão distante: a LGPD e a Internet of Body

Tecnologia2 dias ago

Brasil aparece mal em índice que mede conhecimento em cibersegurança

Tecnologia2 dias ago

Como robôs sexuais e carnes veganas podem mudar o mundo ao seu redor

ENTRETENIMENTO2 dias ago

O bizarro vídeo de um macaco jogando vídeo game com a mente traz implicações drásticas para a humanidade

ENTRETENIMENTO2 dias ago

Humanos poderiam ser peçonhentos, descobre estudo

ENTRETENIMENTO2 dias ago

Mergulhadores descobrem bolhas marinhas gigantes

ENTRETENIMENTO2 dias ago

O mistério do zunido dos beija-flores é desvendado por cientistas

Politíca2 dias ago

Campanha arrecada lixo eletrônico para projeto que cuida de animais em situação de rua

Educação & Cultura2 dias ago

Instituto Teotônio Vilela designa novos diretores na Paraíba

Agricultura e Pecuária8 meses ago

Akatsuki: todos os membros, a história e poderes de cada um | Naruto

Agricultura e Pecuária7 meses ago

Saga Crepúsculo: a ordem correta para assistir aos filmes

Internacional8 meses ago

Polícia invade orgia gay “regada a drogas” de padres do Vaticano

Saúde9 meses ago

Engolir esperma pode ser uma arma contra o coronavírus?

Nacional7 meses ago

Como calcular os votos para eleição de vereador 2020

Internacional5 meses ago

Imagens mostram Joe Biden em atitude imprópria com crianças

Internacional9 meses ago

Cidades dos EUA registram confrontos em atos antirracismo

CIDADE8 meses ago

Tentaram assassinar a pré-candidata a prefeita da cidade do Conde Karla Pimentel

Judiciário9 meses ago

Política Nacional de Turismo não impede cobrança de direitos autorais em estabelecimentos de hospedagem

Internacional9 meses ago

Economia alemã tem retração histórica

Segurança Pública8 meses ago

Comando Vermelho vira preocupação de Bolsonaro; entenda

Nacional8 meses ago

Estados e municípios poderão ter mais prazo para se adequarem à reforma da Previdência

Tecnologia2 meses ago

Facebook admite que “cometeu um erro” ao censurar hidroxicloroquina

CIDADE3 meses ago

“Animais jamais serão sacrificados na nossa cidade”, diz prefeito de cidade paraibana de Brejo do Cruz

CIDADE6 meses ago

Juiz vê “gritante contradição” e determina suspensão de pesquisa Datavox em Bayeux sob pena de multa de R$ 100 mil

Nacional9 meses ago

Senadores avaliam queda da arrecadação federal e aumento da previsão de deficit

CIDADE4 meses ago

MAIS UM ESCÂNDALO EM BAYEUX: vereadores são “obrigados” a assinar carta-renúncia e fazer um pré-acordo na tentativa de eleger Noquinha o presidente da Câmara; entenda

Tecnologia3 meses ago

AMPLIAÇÃO DO ACESSO À INTERNET NO CAMPO AUMENTARIA O PIB EM ATÉ 1,2% AO ANO

CIDADE6 meses ago

CONDE – Policia atira por trás e quase assassina Karla Pimentel

Agricultura e Pecuária8 meses ago

30 espécies de morcegos muito bizarras para serem consideradas morcegos

ECONOMIA5 horas ago

BRASIL AUMENTA EM 3% RECEITA COM EXPORTAÇÕES DE FRUTAS

Saúde6 horas ago

COVID-19 E VITAMINA D: AS FALHAS DE ESTUDO QUE LEVARAM A DESINFORMAÇÃO

Saúde6 horas ago

MÁSCARA DE PANO É EFICAZ? QUANDO DEVO USAR A PFF2?

ECONOMIA6 horas ago

CONAB CALCULA QUE SAFRA DESTE ANO SUPERA 270 MILHÕES DE TONELADAS

Tecnologia6 horas ago

VAZAMENTO DE DADOS: O QUE FAZER?

Tecnologia7 horas ago

COMO O TRABALHO EM PLATAFORMA ESTÁ MUDANDO O MUNDO LABORAL

CONCURSO E EMPREGO7 horas ago

FERROVIA DE INTEGRAÇÃO OESTE-LESTE DEVE GERAR 55 MIL EMPREGOS

Tecnologia7 horas ago

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL AJUDA RECRUTADO PROFISSIONAIS PARA VAGAS

Internacional2 dias ago

MAIOR USINA SOLAR SOBRE ÁGUAS DO MUNDO

Educação & Cultura2 dias ago

OS PRIMEIROS HUMANOS DA AMÉRICA DO NORTE

Internacional2 dias ago

ÓRGÃO EUROPEU CONFIRMA VÍNCULO DA VACINA DE OXFORD COM TROMBOSE

ECONOMIA2 dias ago

74% DOS BRASILEIROS DIMINUÍRAM GASTOS NA PANDEMIA

Saúde2 dias ago

FIOCRUZ IDENTIFICA 92 CEPAS DA COVID-19

Tecnologia3 dias ago

PROFISSIONAIS DE TECNOLOGIA SÃO OS MAIS PROCURADOS DURANTE A PANDEMIA

Saúde3 dias ago

COMEÇAM A SURGIR CASOS DE PESSOAS QUE MORRERAM POR COVID-19 APÓS SEREM VACINADAS

ECONOMIA3 dias ago

PRAZO PARA DECLARAR IR É PRORROGADO ATÉ 31 DE JULHO

Saúde3 dias ago

COVID-19: MÉDICOS E PESQUISADORES ESTUDAM SEQUELAS DA DOENÇA NO ORGANISMO

Internacional3 dias ago

MUNDO VIVE TENSÃO SOCIAL E ECONÔMICA EXTREMA, DIZ FMI

Educação & Cultura4 dias ago

[VÍDEO] Aposentadoria do professor servidor público: caso prático

ECONOMIA5 dias ago

PARA ONDE VAI O DÓLAR? ANALISTAS EXPLICAM O QUE DEVE IMPACTAR A MOEDA EM 2021

Parceiros

INFORMA PARAÍBA

    Parceiros

    Vejam também

    pt_BRPortuguês do Brasil
    Powered by TranslatePress »