Connect with us

Internacional

A luta dos pequenos açougues no Reino Unido

Em meio à pandemia, cada vez mais pessoas querem saber de onde vêm a comida que comem. Um pequeno açougue no País de Gales oferece algumas lições sobre como produzir carne com respeito aos animais e ao meio ambiente.

No auge do lockdown causado pelo novo coronavírus, a avenida onde fica o açougue de William Lloyd Williams estava praticamente deserta. Mesmo assim, o estabelecimento dele no lugarejo de Machynlleth, no País de Gales, estava cheio de clientes em busca de carne com uma cadeia de fornecimento totalmente rastreável.

Williams abate apenas animais da sua região, num pequeno abatedouro perto da sua propriedade no bucólico Vale de Dyfi, em Machynlleth, onde ele mesmo cria algumas vacas e ovelhas. A loja onde ele vende a carne fica a apenas alguns metros dali.

“Wil tem um campo de pastagem, assim os animais vivem sem stress”, comenta a cliente Joy Neal, da vizinha Glandyfi. “Ele trata bem os seus animais e fornece carne boa para as pessoas daqui. Ele é muito bem-visto!” 

Muitos consumidores preferem nem saber de onde vem a carne que estão comprando. Mas Neal fica mais tranquila em saber que sua carne vem de um abatedouro local. “Não sobraram muitos, e eu tenho uma confiança especial neste aqui”, diz.

Açougue de William Lloyd Williams em Machhynlleth, no País de Gales
O açougue está nas mãos da família desde os anos 1950

O açougue de Williams é propriedade da família dele desde os anos 1950. Ele aprendeu o ofício do pai, carregando cabeças de ovelha para fora quando tinha 8 anos, e começou seu aprendizado pra valer quando tinha 17.

O negócio já sobreviveu à febre aftosa e à doença da vaca louca – ambas geraram prejuízos de bilhões de libras para a agricultura britânica – e, agora, à covid-19.

Mas não foi fácil. Nos anos 1980 havia sete açougues no condado de Montgomeryshire; hoje há o de Williams. Em todo o Reino Unido, a queda no número de estabelecimentos de abate foi de 99% entre 1930 e 2017, segundo a ONG Sustainable Food Trust (SFT), que, em 2018, iniciou uma campanha para tentar salvar os abatedouros locais.

Esses estabelecimentos pequenos não conseguem competir com os supermercados, e a crescente burocracia no setor não ajuda. O SFT afirma que boa parte da regulamentação é concebida tendo em mente os grandes açougues e é “desnecessária ou inapropriada para os pequenos”.

“Destruímos a rede de infraestrutura local que costumava existir”, comenta o fundador do SFT, Patrick Holden. “Não quero dizer que ela não possa ser reconstruída de outra maneira depois da covid, mas isso só é possível se as conexões entre o produtor e o consumidor existirem. Açougues são especialmente críticos porque só se pode ter carne local e produzida com respeito ao animais se houver açougues locais.”

O açougue de William Lloyd Williams em Machynlleth, no País de Gales

Na cadeia de fornecimento da fazenda até o abatedouro, a maior parte dos problemas associados com os cuidados animais ocorre no transporte, segundo a Agência de Normas Alimentares do Reino Unido. Padrões estabelecidos pela Sociedade Real para a Prevenção da Crueldade contra os Animais determinam que os rebanhos sejam abatidos o mais perto possível de sua origem.

O modelo industrial de produção de carne não é nocivo apenas para os animais. Ele depende fortemente de antibióticos por causa do risco de transmissão de doenças nos locais onde os animais são confinados em larga escala e depende também de soja e outros grãos, que são produzidos em monoculturas com amplo uso de agrotóxicos, o que, por sua vez, leva à degradação do solo, à poluição e à perda de biodiversidade.

Os produtores que fornecem a carne para Williams estão listados na vitrine do açougue, e a lista é semanalmente atualizada. Todos os rebanhos se alimentam de pasto em fazendas que ficam num raio de até 30 quilômetros, algumas de até mesmo 15 quilômetros do açougue.

“Na véspera, eu coloco os animais para dentro para que estejam descansados. Eles estão com palha e água limpas, e a distância do campo para o abatedouro é curta”, comenta Williams. “Por causa da natureza do trabalho, uma das coisas mais importantes é que não pode haver crueldade, de forma alguma.”

Historicamente há pouco apoio do governo britânico para preservar os abatedouros locais, mas o grupo parlamentar suprapartidário em defesa do bem-estar dos animais divulgou um relatório em junho reconhecendo a importância deles.

Um porta-voz do Departamento [ministério] do Meio Ambiente, Alimentação e Assuntos Rurais (Defra, em inglês) afirmou à DW que as regulamentações estão sendo atualizadas e que o relatório do grupo parlamentar será levado em consideração.

Em 2018, o governo galês criou o um programa para incentivar os pequenos açougues, e uma emenda à Lei britânica da Agricultura, em debate no Parlamento, transforma o abate de animais em pequena escala em atividade passível de receber ajuda financeira pública.

“É uma sensação muito boa ter obtido esse reconhecimento valioso”, diz Williams. “Mas ainda há muito por fazer.” 

Gado de William Lloyd Williams em Machynlleth, no País de Gales
Palha limpa e água fresca para os animais de Williams

A pandemia expôs a urgência das mudanças. “Se você analisar os sistemas industriais de criação e abate de gado, perceberá que eles contribuem para o surgimento, disseminação e amplificação de doenças”, comenta Peter Stevenson, da ONG Compassion in World Farming, a maior organização do mundo na defesa do bem-estar dos animais.

Unidades de produção industrial de carne em todo o mundo tiveram surtos de covid-19, possivelmente por causa das baixas temperaturas e da pouca distância entre os funcionários.

Williams espera que a pandemia ajude os consumidores a entenderem por que alimentos da própria região são tão importantes. “E carne da região exige um açougue na região”, acrescenta.

Deixar de comer carne ajuda mesmo a salvar o planeta?

Pequenos negócios locais não têm condições de competir com a produção industrial de carne no preço final ao consumidor. Mas há vários custos de produção que não aparecem na etiqueta, incluindo tanto custos ambientais como os custos para a economia de uma região quando a produção fica concentrada em unidades maiores e centralizadas.

“As grandes redes varejistas falam em economia de escala, mas o que isso realmente significa é que esses enormes sistemas de produção de alimentos são uma indústria extrativista, eles desmantelam o capital social e humano que costumava ser uma característica de sistemas robustos de produção de alimentos”, diz Holen. “O ganho é de curto prazo, mas o custo é de longo prazo, e só agora estamos nos dando conta disso.”

A pecuária é responsável por 14,5% das emissões de gases do efeito estufa, e animais criados para a produção de carne e laticínios respondem por 65% disso, segundo as Nações Unidas. Porém, se bem feita, a criação de animais pode contribuir para solos mais saudáveis, que retiram dióxido de carbono da atmosfera e o mantêm na terra.

Mas reduzir o consumo de carne e comprar carne produzida com respeito aos animais e ao meio ambiente também diminui fortemente o impacto ambiental da produção de carne, e, para um número cada vez maior de pessoas, saber de onde vem a comida é importante. Segundo Williams, se a origem da carne está a mais de 30 quilômetros do açougue, o respeito pelos animais no processo de produção passa a ser duvidoso, e o valor final do produto é menor.

Continue Reading
Advertisement

Relógio

Grupo do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Portal Informa Paraíba

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias

TWITTER DO PORTAL INFORMA PARAÍBA

www.informaparaiba.com.br

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias.

Página do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Politíca10 horas ago

Romero Rodrigues contra-ataca: Enfrenta pressões de João Azevedo e Adriano Galdino com sua “Tropa de Choque”

CIDADE11 horas ago

TCE apura indícios de irregularidades em contrato de R$ 11,3 milhões da Prefeitura de Bayeux na área de saúde

ESTADO11 horas ago

Pollyanna Dutra destaca importância de novo Centro de Equoterapia inaugurado pelo Governo do Estado

Segurança Pública11 horas ago

Operação da PM com a PF descobre plantio de maconha no Cariri paraibano

CIDADE11 horas ago

Bá Barros e Manuella reúnem multidão em evento de pré-campanha e assusta oposição de Pedras de Fogo

Educação & Cultura22 horas ago

O ‘abuso narcisista’ ficou famoso. Mas o que isso significa? E como ele pode afetar sua vida?

Saúde22 horas ago

Erros ao fazer xixi que são prejudiciais à saúde pélvica

ENTRETENIMENTO22 horas ago

Orgasmo com penetração: como chegar lá? É preciso chegar lá?

Esporte22 horas ago

‘Pecco Bagnaia geriu os recursos e energia dele com absoluta mestria’ – Gigi Dall’Igna

Judiciário22 horas ago

Nova gestão da Abin segue sob suspeita de obstruir investigações, dizem PGR e STF

Educação & Cultura22 horas ago

Upcycle: o que é, para que serve e exemplos

Educação & Cultura22 horas ago

Saiba o que muda no ensino médio com novo texto aprovado no Congresso

Esporte22 horas ago

Flamengo acerta contrato de R$ 1,1 bilhão com titular de Tite

Internacional23 horas ago

Incerteza política na França pesa em economia já fragilizada por desordem fiscal

Esporte23 horas ago

Jasmine Paolini e Barbora Krejcikova farão a final feminina de Wimbledon

Saúde23 horas ago

Nossos óculos em breve serão equipados com um filtro discreto de visão noturna?

Internacional23 horas ago

Rússia promete “resposta militar” a bases de mísseis americanos na Alemanha

CIÊNCIA & TECNOLOGIA23 horas ago

Projeto que regulamenta atividade espacial no País vai à sanção presidencial

Esporte1 dia ago

Kawhi Leonard está fora dos Jogos Olímpicos; EUA definem substituto

Esporte1 dia ago

F1 estuda “caixa de brita colada” à Zandvoort como solução para impor limites de pista

CONCURSO E EMPREGO1 dia ago

Reforma tributária: veja quais profissionais liberais, da saúde e da educação pagarão menos imposto

Saúde1 dia ago

10 sinais que podem indicar alguma doença cardíaca

Saúde1 dia ago

Saiba como cuidar da região intima após as relações sexuais

Esporte1 dia ago

De novo? Antes de polêmica sobre término com Gabi, Sheilla Castro viveu relação conturbada com outra atleta. Recorde!

Politíca1 dia ago

Queiroga Comemora ‘Liderança’ no Segundo Lugar em Pesquisa Eleitoral de João Pessoa

Educação & Cultura1 dia ago

Governo da Paraíba promove mais um curso profissionalizante para socioeducandos

Esporte2 dias ago

Rival de Poatan no kickboxing, Vakhitov responde brasileiro e reafirma desejo de trilogia no UFC

Esporte2 dias ago

F1: Hamilton e seu pai comentam a vitória “em casa” no GP da Inglaterra

Esporte2 dias ago

Destaques nas estatísticas do Pato Basquete na última temporada, Nate Barnes e Gabriel Novaes renovaram com o time paranaense para o NBB CAIXA 2024/25

Esporte2 dias ago

Após polêmicas, Sheilla Castro deixa os treinos com a seleção em Saquarema

Internacional12 meses ago

Cidade alemã passa a distribuir gratuitamente filtro solar

AGRICULTURA & PECUÁRIA6 meses ago

Com produtor revisando tamanho da safra, 2024 inicia cercado de incertezas para a soja

Internacional6 meses ago

Secretário-geral da ONU condena atos criminosos no Equador

ENTRETENIMENTO12 meses ago

JIBÓIA

ENTRETENIMENTO9 meses ago

Conheça Rocco, um cão mistura de rottweiler com husky siberiano: ‘Parece o Batman’

CONCURSO E EMPREGO6 meses ago

Carreiras em Extinção? Veja Quais Podem Sumir

Nacional11 meses ago

CNS reconhece religiões afro como complementares ao SUS

ECONOMIA6 meses ago

Calendário do Bolsa Família 2024: saiba quando você vai receber

Internacional6 meses ago

Fome já é generalizada em Gaza, alerta ONU

CIDADE6 meses ago

Polêmica em Princesa Isabel: Vereadores aprovam aumento salarial próprio e do Executivo

AGRICULTURA & PECUÁRIA6 meses ago

Número de IGs cresceu 60% em quatro anos no Brasil

Saúde6 meses ago

OS PRINCIPAIS LEGUMES E VERDURAS QUE AJUDAM A PREVENIR DOENÇAS CRÔNICAS

Internacional6 meses ago

Israel quer controlar e fechar fronteira entre Gaza e Egito

Judiciário10 meses ago

Informativo destaca não exigência de provas para fixação de indenização mínima por danos morais

Judiciário9 meses ago

Entender Direito: especialistas discutem os embargos de divergência

Educação & Cultura6 meses ago

Campina Grande entra na disputa e poderá ser escolhida para receber nova Escola de Sargentos do Exército após impasse em Pernambuco

ENTRETENIMENTO6 meses ago

HORTÊNSIAS

Internacional6 meses ago

“Perdas, dor e angústia” após ataques aéreos marcam o início do ano na Ucrânia

CIÊNCIA & TECNOLOGIA6 meses ago

Vale a pena usar um gerador de conteúdo para redes sociais?

Nacional6 meses ago

TCU pede que ministra da Saúde pague R$ 11 milhões a cofres públicos

ENTRETENIMENTO6 meses ago

PASSEIO MOSTRA COMO É UM BORBOLETÁRIO

Judiciário2 meses ago

Juízes comemoram inclusão do Judiciário entre atividades de risco

ENTRETENIMENTO4 meses ago

1º Cabedelo MotoFest: prepare-se para uma explosão de emoções na praia do Jacaré!

CIÊNCIA & TECNOLOGIA11 meses ago

Como sair do grupo de WhatsApp anonimamente e ninguém ver

ESTADO7 meses ago

Energisa reúne empresas de telecomunicações para tratar sobre segurança na disposição de cabos em postes 

Internacional4 meses ago

China

Nacional10 meses ago

EXCLUSIVO – Leia na íntegra o pronunciamento de 7 de setembro de Lula

ENTRETENIMENTO12 meses ago

Assistam ao filme “Tropa de elite 2 – O inimigo agora é outro” e reflitam

CIÊNCIA & TECNOLOGIA12 meses ago

SÍLVIO MEIRA FALA SOBRE A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

CONCURSO E EMPREGO9 meses ago

Concurso da PMPB pode ser suspenso? Jurista avalia

AGRICULTURA & PECUÁRIA5 dias ago

QUEIJO AZUL, FEITO COM LEITE DE OVELHA, GANHA SELO ARTESANAL

Nacional5 dias ago

DESMATAMENTO CAI NA AMAZÔNIA, MAS CRESCE NO CERRADO

CONCURSO E EMPREGO5 dias ago

EMPRESA PREVÊ MULHERES EM 50% DOS CARGOS DE GESTÃO

ECONOMIA1 semana ago

PIX TERÁ OPÇÃO DE PAGAMENTO POR APROXIMAÇÃO

Internacional1 semana ago

O IMPACTO DA TROCA NO PODER DO REINO UNIDO APÓS 14 ANOS

Educação & Cultura1 semana ago

ENEM DOS CONCURSOS: NOVO EDITAL É DIVULGADO COM POLÍTICA DE REEMBOLSO

AGRICULTURA & PECUÁRIA1 semana ago

GOVERNO FEDERAL ANUNCIA PLANO SAFRA 2024/2025

Nacional1 semana ago

SECA NO PANTANAL PODE CHEGAR A PONTO DE NÃO RETORNO

Saúde2 semanas ago

ESTUDO COMPROVA EFICÁCIA DE MEDICAMENTO CONTRA O CÂNCER DE PULMÃO

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

RECEITA DO BOLO TENTAÇÃO

CIÊNCIA & TECNOLOGIA2 semanas ago

RELIGIÃO E CIÊNCIA

ECONOMIA2 semanas ago

BC MUDA MECANISMO DE RESSARCIMENTO A VÍTIMAS DE FRAUDES

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

MANACÁ-DA-SERRA COMO CULTIVAR

Saúde2 semanas ago

BRASILEIRA DESCOBRE AÇÃO DE PROTEÍNA EM CASOS GRAVES DE COVID

ECONOMIA2 semanas ago

COMO IRÁ FUNCIONAR A NOVA META DE INFLAÇÃO DO BRASIL

CONCURSO E EMPREGO2 semanas ago

ENVELHECIMENTO MUDA DEMANDAS E VAGAS NO MERCADO DE TRABALHO

Internacional2 semanas ago

BOLÍVIA EM TENSÃO: ENTENDA EM 4 PONTOS A CRISE POLÍTICA NO PAÍS VIZINHO

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

SAVANNAH: O HÍBRIDO SELVAGEM DE GATO COM SERVAL

Educação & Cultura2 semanas ago

FIM DA GREVE NAS UNIVERSIDADES FEDERAIS

CONCURSO E EMPREGO2 semanas ago

BRASIL TEM MAIS DE 2 MILHÕES DE VAGAS EM CARGOS TÉCNICOS SOBRANDO

Nacional2 semanas ago

COMO MILHARES DE FAMÍLIAS GAÚCHAS FICARAM MAIS POBRES DO DIA PARA A NOITE

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

ESTROGONOFE DE TILÁPIA FEITO NO FORNO VAI TE SURPREENDER

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

TRÊS DICAS PRA CUIDAR BEM DAS ORQUÍDEAS

Politíca3 semanas ago

“RESULTADOS PODEM NÃO AGRADAR, MAS ELEIÇÕES LIVRES SÃO A FORÇA DA DEMOCRACIA”

Educação & Cultura3 semanas ago

PISA: O BRASIL NO RANKING INTERNACIONAL

ENTRETENIMENTO3 semanas ago

CHICO BUARQUE: 80 ANOS DE CRIATIVIDADE

CIÊNCIA & TECNOLOGIA3 semanas ago

COMO NVIDIA VIROU A EMPRESA MAIS VALIOSA DO MUNDO?

AGRICULTURA & PECUÁRIA3 semanas ago

TECNOLOGIA AJUDA NO MANEJO E PREVENÇÃO DE DOENÇAS

Saúde3 semanas ago

ESPECIALISTAS CRITICAM A MUDANÇA NA LEI DO ABORTO

ENTRETENIMENTO3 semanas ago

TURISMO RURAL EM ROTA

Advertisement
Advertisement

Vejam também

Somos o Portal Informa Paraíba, uma empresa de marketing e portal de informações que oferece um noticioso com assuntos diversos. Nosso objetivo é fornecer conteúdo relevante e atualizado para nossos leitores, mantendo-os informados sobre os acontecimentos mais importantes. Nossa equipe é composta por profissionais experientes e apaixonados por comunicação, que trabalham incansavelmente para oferecer um serviço de qualidade. Além disso, estamos sempre em busca de novas formas de melhorar e inovar, para podermos atender às necessidades e expectativas de nossos clientes. Seja bem-vindo ao nosso mundo de informações e descubra tudo o que o Portal Informa Paraíba tem a oferecer. Fiquem bem informados acessando o Portal Informa Paraíba: www.informaparaiba.com.br