Connect with us

Internacional

Por que alguns países árabes ajudaram Israel a repelir o Irã

Embora alguns analistas tenham destacado apoio a Tel Aviv durante ataque iraniano inédito, nações como a Jordânia e a Arábia Saudita têm motivos mais complexos para querer deter Teerã

Quando o Irã lançou mais de 300 drones e mísseis contra Israel na noite deste sábado (13/04) em retaliação a um ataque no início de abril ao seu consulado em Damasco, na Síria, os aliados de Tel Aviv intervieram em seu favor.

As forças aéreas dos Estados Unidos e do Reino Unido ajudaram a abater diversos desses projéteis. A França também pode ter participado do patrulhamento da área, embora não esteja claro se os franceses derrubaram algo.

Mas o que chamou muita atenção foi o fato de a Força Aérea da Jordânia também ter cooperado. O país abriu seu espaço aéreo para aviões israelenses e americanos e, aparentemente, derrubou drones que o invadiram.

Segundo a agência de notícias Reuters, moradores ouviram intensa atividade aérea, e nas redes sociais circularam imagens de restos de um drone abatido no sul de Amã, capital da Jordânia.

“Estados do Golfo, incluindo a Arábia Saudita, também podem ter desempenhado um papel indireto, já que eles abrigam sistemas de defesa aérea do Ocidente, aeronaves de vigilância e reabastecimento que teriam sido vitais para o esforço”, informou a publicação britânica The Economist.

Nas redes sociais, alguns observadores viram no envolvimento árabe uma prova de que árabes e israelenses podem trabalhar juntos e que Israel não está sozinho no Oriente Médio.

“Podemos não conhecer por um tempo todos os detalhes da cooperação árabe nesta noite para a interceptação do ataque iraniano a Israel, mas foi sem dúvida significativa, incluindo o uso do espaço aéreo da Jordânia. Certamente isso ajudou a salvar muitas vidas israelenses”, postou no X (antigo Twitter) o jornalista Anshel Pfeffer, do diário israelense Haaretz.

“A grande notícia em Israel esta manhã é a Força Aérea da Jordânia interceptando em seu espaço aéreo drones em direção a Israel. Especialmente notável para a geração de israelenses que se lembra de ter se protegido de ataques vindos da Jordânia”, escreveu no X Mairav Zonszein, analista da ONG International Crisis Group. “O que aprendemos com isso: acordos diplomáticos são vitais para a estabilidade.”

Sistema de defesa aéreo israelense em ação na madrugada de domingo

Diretor do programa de Oriente Médio e Norte da África no Conselho Europeu de Relações Exteriores, Julien Barnes-Dacey aponta que mesmo importantes países árabes críticos à guerra em Gaza, como é o caso da Jordânia, apoiaram a reação militar israelense às bombas enviadas por Teerã.

Equilíbrio tênue para a Jordânia e a Arábia Saudita

Acredita-se que mais de metade da população jordaniana tenha raízes palestinas, inclusive a própria rainha do país. Nas últimas semanas, o país teve protestos cada vez mais agressivos contra Israel.

Ao mesmo tempo, a Jordânia compartilha uma fronteira com Israel, é a guardiã da Mesquita de Al-Aqsa em Jerusalém – um local importante para muçulmanos, cristãos e judeus – e trabalha regularmente com as autoridades israelenses, embora muitas vezes nos bastidores.

As autoridades jordanianas, que também têm nos EUA um aliado importante, precisam equilibrar interesses conflitantes e sua própria estabilidade política e autodefesa. Daí a rapidez com que a Jordânia declarou que, ao ajudar Israel, estava na verdade se defendendo.

“Alguns objetos que adentraram nosso espaço aéreo na noite passada foram interceptados porque representavam uma ameaça ao nosso povo e áreas habitadas”, disse o governo jordaniano em comunicado. “Vários fragmentos [dos drones abatidos] caíram no território do país sem causar danos significativos.”

Mas para Emile Hokayem, do Instituto Internacional de Estudos Estratégicos, o envolvimento da Jordânia também se tratou, em parte, de “mostrar que a Jordânia é uma boa parceira dos EUA”. “A Jordânia pode ser melhor tratada pelos seus parceiros do Ocidente”, escreveu no X. “Mas a questão é: como a opinião pública jordaniana verá essa defesa de Israel?”

Pessoas reunidas em outubro do ano passado na Jordânia para prestar solidariedade à Palestina; estima-se que mais da metade da população jordaniana tenha raízes palestinas

A Arábia Saudita também teve que equilibrar seus próprios interesses, alianças internacionais e realpolitik com as aparências em torno do conflito em Gaza.

O rico estado do Golfo estava pronto para normalizar as relações com Israel antes dos ataques do Hamas em 7 de outubro que deixaram cerca de 1.200 mortos. Mas a resposta israelense na Faixa de Gaza colocou esses planos na geladeira. Em seis meses, o saldo de mortos no enclave palestino já passa de 33 mil, segundo o Ministério da Saúde controlado pelo Hamas.

O governo saudita vê com bons olhos apelos por um cessar-fogo em Gaza e tem criticado a conduta israelense no conflito. Reservadamente, porém, eles ainda estão interessados em melhorar as relações com Israel, apontam especialistas.

Conflito de longa data entre Irã e o Golfo

Independente de terem intervido a favor de Israel ou não no caso do ataque iraniano, os sauditas têm outros motivos para querer derrubar mísseis de Teerã.

Há décadas o Oriente Médio é dividido entre linhas religiosas e sectárias, com os Estados árabes do Golfo e suas populações de maioria muçulmana sunita enfrentando o Irã, onde predominam os muçulmanos xiitas. A inimizade lembra conflitos anteriores na Europa, quando as duas principais seitas do cristianismo – protestantes e católicos – eram rivais beligerantes.

Países do Oriente Médio central como Iraque, Síria e Líbano, cujas populações são uma mistura de muçulmanos xiitas e sunitas, bem como outras religiões e etnias, se viram no meio de uma disputa por influência entre o Irã e os Estados do Golfo.

Aqui é onde entram em jogo os chamados “agentes” iranianos, grupo que inclui organizações muçulmanas xiitas que o Irã apoia financeiramente, militarmente, logisticamente e até mesmo espiritualmente. Os rebeldes houthis do Iêmen, as milícias conhecidas como Forças de Mobilização Popular no Iraque e o grupo político e militar Hisbolá no Líbano são todos membros dessa aliança patrocinada pelo Irã.

Os islamistas do Hamas também são apoiados pelo Irã – mas são uma exceção, neste caso, já que, assim como a maioria dos palestinos, são muçulmanos sunitas.

Como parte da ofensiva iraniana, esses grupos dispararam foguetes do Iêmen, Síria e Iraque em direção a Israel na madrugada de sábado para o domingo. No Iraque, há relatos de que militares americanos estacionados lá abateram alguns desses foguetes. Não está claro se os sauditas interceptaram algum vindo do Iêmen, mas eles já fizeram isso antes, no final do ano passado.

“Para atores regionais, principalmente a Arábia Saudita e a Jordânia, o argumento será de que estão legitimamente protegendo seu espaço aéreo soberano”, opinou Masoud Mostajabi, diretor-adjunto dos Programas do Oriente Médio no Atlantic Council dos EUA, em uma análise publicada no sábado à noite.

“Porém, se os ataques desta noite escalarem para um conflito Israel-Irã mais amplo, os atores regionais percebidos como defensores de Israel podem acabar virando alvos e arrastados para um conflito regional”, advertiu Mostajabi. “Diante do que está em jogo, é provável que os líderes regionais sejam motivados a agir entre as duas partes para encerrar este confronto.”

Continue Reading
Advertisement

Relógio

Grupo do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Portal Informa Paraíba

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias

TWITTER DO PORTAL INFORMA PARAÍBA

www.informaparaiba.com.br

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias.

Página do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Politíca24 horas ago

Adriano Galdino recebe título de cidadão itabaianense em cerimônia solene

CONCURSO E EMPREGO1 dia ago

Energisa Paraíba anuncia mais 150 novas vagas de emprego em diversas cidades da Paraíba

Politíca1 dia ago

ALPB debate LDO 2025 durante audiência pública em Sousa

Politíca1 dia ago

Ao lado de Zé Aldemir, Júnior Araújo celebra entrega de novo maquinário para infraestrutura de Cajazeiras     

Politíca1 dia ago

Na 3ª audiência para debater Projeto dos Combustíveis do Futuro, Veneziano confirma entrega de seu relatório até o mês de junho

ESTADO1 dia ago

Agevisa-PB reforça proibição da venda do álcool 70% líquido e destaca riscos no período junino

Nacional1 dia ago

Em 2023, 88,2% das pessoas de 5 anos ou mais haviam tomado pelo menos 2 doses de vacina contra covid-19

CIDADE1 dia ago

Famup destaca conquistas municipalistas documentadas na Carta da XXV Marcha em Defesa dos Municípios

Politíca1 dia ago

80% dos problemas de visão podem ser evitados; projeto de Camila cria a Política de Atenção Oftalmológica

Segurança Pública1 dia ago

Comissão aprova projeto que abre novo prazo para recadastramento de armas de uso permitido ou restrito

Segurança Pública1 dia ago

Projeto aprovado pune uso de inteligência artificial para criar material prejudicial a mulheres

Segurança Pública1 dia ago

Comissão aprova projeto que criminaliza práticas preconceituosas de agentes públicos e de segurança privada

Segurança Pública1 dia ago

Projeto define medidas de proteção para animais usados em busca e salvamento

Esporte1 dia ago

Comissão aprova projeto que exige separação de torcidas nos estádios

Internacional1 dia ago

ONU disponibiliza recursos para reforma da justiça e segurança de São Tomé e Príncipe

Judiciário1 dia ago

STF pede informações a Tribunais de Contas sobre compras de softwares espiões

Esporte1 dia ago

Câmara de Campina homenageará os craques do futebol

Educação & Cultura1 dia ago

Mesmo sem apoio federal, escolas cívico-militares avançam nos estados

Internacional1 dia ago

EUA alerta exércitos da América Latina sobre ‘inimigos’ da democracia

Saúde1 dia ago

Gordura na urina? Confira 5 motivos que explicam essa anomalia

Saúde1 dia ago

Entenda a fibromialgia, doença sem cura que acomete a atriz Franciely Freduzeski

Saúde1 dia ago

O que é a vingança do lado direito do cérebro?

AGRICULTURA & PECUÁRIA1 dia ago

Recuperação do setor de açúcar e álcool é exemplo para retomada da indústria

CIÊNCIA & TECNOLOGIA1 dia ago

Descubra funções secretas do roteador

Saúde1 dia ago

Colonoscopia: quando este exame deve ser feito?

Internacional1 dia ago

Justiça da Colômbia acusa ex-presidente Uribe de suborno e fraude

CIÊNCIA & TECNOLOGIA1 dia ago

6 dicas para melhorar o desempenho do seu computador

Esporte1 dia ago

Corinthians aguarda a procura de agentes de Gabigol e não teme a concorrência pelo atacante

Esporte1 dia ago

Resultados completos do FP3 em Mônaco | Leclerc dá a Verstappen a vantagem

CIÊNCIA & TECNOLOGIA1 dia ago

Como descobrir, bloquear e desbloquear o IMEI de um celular?

Internacional10 meses ago

Cidade alemã passa a distribuir gratuitamente filtro solar

Internacional11 meses ago

IMPRESSIONANTE – GOVERNO CANADENSE ADMITE: “Os não vacinados estavam certos sobre as vacinas de mRNA”

ENTRETENIMENTO11 meses ago

Exorcista: filme “Nefarious” é “o melhor já produzido” sobre possessão demoníaca

ENTRETENIMENTO10 meses ago

JIBÓIA

AGRICULTURA & PECUÁRIA5 meses ago

Com produtor revisando tamanho da safra, 2024 inicia cercado de incertezas para a soja

Internacional5 meses ago

Secretário-geral da ONU condena atos criminosos no Equador

CONCURSO E EMPREGO5 meses ago

Carreiras em Extinção? Veja Quais Podem Sumir

Nacional10 meses ago

CNS reconhece religiões afro como complementares ao SUS

ENTRETENIMENTO8 meses ago

Conheça Rocco, um cão mistura de rottweiler com husky siberiano: ‘Parece o Batman’

ECONOMIA5 meses ago

Calendário do Bolsa Família 2024: saiba quando você vai receber

Internacional5 meses ago

Fome já é generalizada em Gaza, alerta ONU

AGRICULTURA & PECUÁRIA5 meses ago

Número de IGs cresceu 60% em quatro anos no Brasil

CIDADE5 meses ago

Polêmica em Princesa Isabel: Vereadores aprovam aumento salarial próprio e do Executivo

Saúde5 meses ago

OS PRINCIPAIS LEGUMES E VERDURAS QUE AJUDAM A PREVENIR DOENÇAS CRÔNICAS

Internacional5 meses ago

Israel quer controlar e fechar fronteira entre Gaza e Egito

Judiciário9 meses ago

Informativo destaca não exigência de provas para fixação de indenização mínima por danos morais

Judiciário8 meses ago

Entender Direito: especialistas discutem os embargos de divergência

ENTRETENIMENTO5 meses ago

HORTÊNSIAS

Educação & Cultura5 meses ago

Campina Grande entra na disputa e poderá ser escolhida para receber nova Escola de Sargentos do Exército após impasse em Pernambuco

Internacional5 meses ago

“Perdas, dor e angústia” após ataques aéreos marcam o início do ano na Ucrânia

CIÊNCIA & TECNOLOGIA5 meses ago

Vale a pena usar um gerador de conteúdo para redes sociais?

Nacional12 meses ago

Relator lê parecer sobre indicação de Cristiano Zanin ao STF; sabatina está marcada para 21 de junho

Educação & Cultura11 meses ago

Novo ensino médio precisa levar em conta realidade de alunos e municípios, aponta debate

Nacional12 meses ago

Repórter da TV Globo é agredida por segurança de Maduro após questionamento

Nacional5 meses ago

TCU pede que ministra da Saúde pague R$ 11 milhões a cofres públicos

ECONOMIA12 meses ago

Por unanimidade, TCU aprova contas do governo Bolsonaro

CIDADE12 meses ago

Vereador Marlon vence queda de braço com prefeito de Sobrado e fica com comando do Republicanos no município

ENTRETENIMENTO5 meses ago

PASSEIO MOSTRA COMO É UM BORBOLETÁRIO

Educação & Cultura11 meses ago

EXCLUSIVO: Gilson Souto Maior lança em julho ‘História da Imprensa na Paraíba’

Nacional12 meses ago

Lula volta a defender ditadura: ‘Houve muito respeito com a participação do Maduro’

Internacional4 dias ago

EVENTO EM XANGAI AJUDA A ESTREITAR INVESTIMENTOS ENTRE BRASIL E CHINA

Saúde4 dias ago

COVID-19: VÍRUS SEGUE MORTAL E REFORÇA A IMPORTÂNCIA DA PREVENÇÃO

Judiciário4 dias ago

O NÚMERO DE JOVENS QUE DESEJAM VOTAR NAS ELEIÇÕES AUMENTA CONFORME O TSE

ECONOMIA4 dias ago

‘QUANDO ALGUÉM CONTROLA O DINHEIRO NA RELAÇÃO, CONTROLA A RELAÇÃO PROFUNDAMENTE’

Nacional4 dias ago

INUNDAÇÕES NO RS: O DESASTRE QUE MAIS ABALARÁ A ECONOMIA BRASILEIRA

Educação & Cultura4 dias ago

Senado Discute: incentivo a bibliotecas públicas e escolares

Saúde5 dias ago

ALERGIA ALIMENTAR: PROBLEMA AFETA 4 MILHÕES DE ADULTOS NO BRASIL

ENTRETENIMENTO5 dias ago

8 COISAS QUE PODEM MELHORAR SEU HUMOR E QUE NÃO ENVOLVEM DIETA OU EXERCÍCIO

Nacional5 dias ago

INUNDAÇÕES NO RS: O CHEF QUE PERDEU RESTAURANTES E FOI COZINHAR PARA DESABRIGADO

ENTRETENIMENTO5 dias ago

PIMENTA DE CHEIRO

Educação & Cultura5 dias ago

PLANETA ESTÁ VIRANDO UMA BOMBA CLIMÁTICA

ENTRETENIMENTO6 dias ago

REVOLUCIONANDO A AGRICULTURA: FLORES COMESTÍVEIS E AQUAPONIA

Saúde6 dias ago

PLANOS DE SAÚDE CANCELAM CONTRATOS DE CLIENTES ILEGALMENTE

CONCURSO E EMPREGO6 dias ago

ALERTA PARA O USO DE IA EM EXAMES DE RECRUTAMENTO

Saúde6 dias ago

FAPESP: VACINA CONTRA A GRIPE, PESQUISA CONTRA O COVID 19 E FUTURO INCERTO

Nacional6 dias ago

O VERDADEIRO TAMANHO DO DESASTRE NO RS – E AS OUTRAS CRISES QUE SE ANUNCIAM

ENTRETENIMENTO1 semana ago

DOBERMANN, O CACHORRO MAIS ASSUSTADOR

Educação & Cultura1 semana ago

A MODERNIZAÇÃO DOS COLÉGIOS AGRÍCOLAS NO PR

CIÊNCIA & TECNOLOGIA1 semana ago

GOVERNO LANÇA PORTAL CONTRA FAKE NEWS

ENTRETENIMENTO1 semana ago

DONA DE JARDIM COM MAIS DE 500 MIL SEGUIDORES COMPARTILHA CUIDADOS COM PLANTAS

Internacional1 semana ago

CIDADES DO MUNDO SOFREM COM COLAPSOS CLIMÁTICOS COMO DO RS

AGRICULTURA & PECUÁRIA1 semana ago

PRODUÇÃO DE MEL COM ABELHAS SEM FERRÃO

AGRICULTURA & PECUÁRIA2 semanas ago

CAPRINOCULTURA – VALE A PENA INVESTIR?

Internacional2 semanas ago

REINO UNIDO: ESTAMOS PERTO DE ESCALADA NUCLEAR

Educação & Cultura2 semanas ago

BANCAS E LIVRARIAS SE REINVENTAM EM MEIO AO MERCADO DIGITAL

ECONOMIA2 semanas ago

SETOR DE VAREJO APRESENTA MELHORA E PODER DE COMPRA PODE ESTAR SUBINDO

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

RECEITA DO DOCE DE MAMÃO CRISTALIZADO

Internacional2 semanas ago

MONTEVIDÉU SE PREPARA PARA O AVANÇO DO MAR

ECONOMIA2 semanas ago

CRISE NO VAREJO: ESPECIALISTAS ANALISAM A CRISE PERSISTENTE NO SETOR

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

CONSERVAÇÃO DO MICO LEÃO PRETO

Advertisement
Advertisement

Vejam também

Somos o Portal Informa Paraíba, uma empresa de marketing e portal de informações que oferece um noticioso com assuntos diversos. Nosso objetivo é fornecer conteúdo relevante e atualizado para nossos leitores, mantendo-os informados sobre os acontecimentos mais importantes. Nossa equipe é composta por profissionais experientes e apaixonados por comunicação, que trabalham incansavelmente para oferecer um serviço de qualidade. Além disso, estamos sempre em busca de novas formas de melhorar e inovar, para podermos atender às necessidades e expectativas de nossos clientes. Seja bem-vindo ao nosso mundo de informações e descubra tudo o que o Portal Informa Paraíba tem a oferecer. Fiquem bem informados acessando o Portal Informa Paraíba: www.informaparaiba.com.br