Connect with us

Saúde

Descoberta a origem da gagueira no cérebro

Cientistas finlandeses encontraram mudanças estruturais em junções de uma rede cerebral em pessoas que gaguejam. Descoberta pode abrir portas para novas opções de tratamento

A gagueira é um distúrbio neurológico da fala em que a regulação da produção da linguagem no cérebro é prejudicada

A gagueira costuma gerar muito estresse para os afetados, sobretudo porque outras pessoas costumam reagir de forma desrespeitosa, agressiva ou incorreta a esse distúrbio da fala. As repetições involuntárias de sílabas e sons, o alongamento de fonemas e os bloqueios perceptíveis ou “silenciosos” podem trazer insegurança para quem sofre do problema. O mal-estar também pode se tornar fisicamente perceptível, através de rubor ou suor.

No entanto, a gagueira não permite tirar conclusões sobre o caráter ou a inteligência dos afetados. Quem gagueja sabe exatamente o que quer dizer, mas não consegue expressar isso de maneira fluente no momento.

Por muito tempo, a gagueira foi vista como um distúrbio psicológico ou emocional. Trata-se, porém, de um distúrbio da fala de origem neurológica que afeta a área do cérebro responsável pela regulação da produção da linguagem.

Encontrada a origem da gagueira

Pesquisadores finlandeses acreditam agora ter localizado a região do cérebro onde ocorre a gagueira. Em pessoas que gaguejam, foram descobertas mudanças estruturais em junções de uma determinada rede cerebral.

Segundo a equipe liderada por Juho Joutsa, da Universidade de Turku, seu centro fica na área do putâmen. O putâmen é uma das áreas centrais do telencéfalo [composto pelo córtex cerebral e pelos núcleos da base] e faz parte da substância cinzenta do cérebro. Ele é particularmente importante para as habilidades motoras faciais, ou seja, expressões faciais.

As diferentes causas da gagueira

O distúrbio da fala pode ter diversas causas. Existe uma predisposição genética que pode – embora não necessariamente – levar à ocorrência da gagueira. Além disso, doenças neurológicas como Parkinson ou derrames podem causar o distúrbio. Para o estudo, os pesquisadores finlandeses também examinaram pacientes que começaram a gaguejar após um acidente vascular cerebral. O acidente vascular cerebral afetou apenas a parte do cérebro onde está localizada a rede cerebral em questão.

Os participantes mostraram as mesmas mudanças estruturais nas junções desta rede cerebral que aqueles entre os quais a gagueira se desenvolveu já na infância. Segundo o estudo, isso mostra que a gagueira sempre surge nessa rede, independentemente de causas genéticas ou neurológicas.

Novos métodos de tratamento?

“O estudo finlandês confirma de forma impressionante que o hemisfério cerebral esquerdo é crucial na codificação da fala e na tradução de pensamentos para a fala e a linguagem falada”, afirma o professor Martin Sommer, médico-chefe e diretor do Grupo de Trabalho Interdisciplinar sobre Distúrbios de Fluência do Departamento de Neurologia do Centro Médico Universitário de Göttingen (UMG). O estudo também mostra que as duas formas de gagueira, a gagueira neurogênica, ou seja, causada por um acidente vascular cerebral, e a gagueira na primeira infância, não diferem muito, segundo Sommer, que além de ser ele próprio afetado pela gagueira, também fornece aconselhamentos através da Associação Federal para Gagueira e Autoajuda (BVSS, na sigla em alemão).

Até o momento, não existem métodos de tratamento farmacológicos ou neuromoduladores eficazes contra a gagueira. Mas segundo os pesquisadores finlandeses, a localização da mudança estrutural abre portas para novas opções terapêuticas, como a estimulação cerebral profunda dirigida a esta rede cerebral.

O neurofisiologista Sommer acolhe com satisfação a nova abordagem de pesquisa, mas alerta: “É certamente possível derivar um tratamento a partir disto, mas são necessários alguns passos intermediários para compreender onde é necessário fixar qual eletrodo e com que polaridade. Isso não é assim tão fácil assim e ainda não chegamos lá”, ressalta.

Gagueira: mais comum do que se pensa

Na Alemanha, com quase 84 milhões de habitantes, estima-se que 800 mil pessoas gaguejam permanentemente. Mais de 5% das crianças pequenas gaguejam, ou seja, cerca de 50 em cada mil crianças, sendo que meninos são afetados com mais frequência do que as meninas.

A gagueira geralmente começa repentinamente entre os 2 e os 6 anos de idade, geralmente desaparecendo por si só nos dois anos seguintes. Mas cerca de 1% das pessoas afetadas continua a gaguejar na vida adulta.

Há métodos de terapia da gagueira que são eficazes

Como a gagueira é tratada?

Medicamentos, terapias respiratórias ou de relaxamento ou quaisquer outras terapias de cura não são realmente eficazes contra a gagueira. “Ainda existem ofertas de tratamento duvidosos que prometem curas milagrosas, por isso é preciso ter cuidado”, alerta Sommer.

“Mesmo a gagueira mais grave pode ser evitada com métodos simples, como a fala com metrônomo, mas a gagueira, neste caso, não desaparece, está apenas camuflada atrás de um modo de fala modificado. E quem quer falar assim o dia todo? Então é necessário ter cuidado para não cair nas mãos erradas”, avisa o especialista.

Mudando o comportamento da fala

No entanto, há dois métodos de terapia da gagueira que são eficazes e também podem ser combinados: modelagem da fluência (Fluency Shaping) e modificação da gagueira. Ambos os métodos se “baseiam na ideia de que o controle consciente do processo muscular da fala na laringe e na boca permite um uso suave da voz como profilático ou quando ocorrem sintomas de gagueira”, explica a terapeuta de gagueira Frauke Kern.

Tais métodos podem reduzir a duração e a gravidade do sintoma real e reduzir o medo da gagueira, recuperando o controle sobre o processo de fala, diz Kern. Ela faz parte do conselho federal da Associação Federal Alemã de Fonoaudiologia.

O método de modelagem de fluência muda a maneira como se fala, por exemplo, usando uma “voz suave” no início de uma palavra ou alongando conscientemente uma sílaba ou um som. O objetivo deste método é evitar a ocorrência de gagueira ao falar.

Já com o método de modificação da gagueira, os afetados aprendem as chamadas técnicas de liberação de bloqueio para sair de uma situação estressante “de forma controlada e um tanto administrável. Este é um método interessante que envolve, por assim dizer, conhecer eventos de gagueira”, diz o neurofisiologista Sommer. Isso reduz a tensão e supera o momento de gagueira. A vantagem desta técnica, segundo a terapeuta Kern, é que ela preserva a fala natural.

Enfrentando o desafio

Por vergonha ou medo de se expor, muitos afetados acabam evitando certas palavras ou situações de fala. Isto pode fazer com que quem sofre de gagueira se retire da vida quotidiana e fique socialmente isolado.

Pessoas que gaguejam, portanto, também aprendem a enfrentar situações difíceis. “O maior perigo quando se gagueja é ficar de boca fechada, e muita gente faz isso. Mas é uma pena, porque quem fica de boca fechada não é visto ou ouvido. Quem fica calado não vai muito longe. Esse comportamento de evitar exposição é lamentável porque limita significativamente as oportunidades de desenvolvimento das pessoas. É por isso que é importante não ficar de boca fechada, mas dizer o que se quer dizer”, aconselha o neurologista Sommer.

Grupos de apoio também podem ajudar a superar o medo de falar. Lidar com a gagueira de forma aberta e confiante entre familiares, amigos ou colegas de trabalho também costuma ser útil.

O que de fato não ajuda?

As pessoas que gaguejam não precisam de conselhos – nem mesmo os bem-intencionados. Elas não precisam respirar fundo, concentrar-se ou se acalmar. Conselhos como esses só servem para irritar ou deixar os afetados ainda mais inseguros.

“O melhor é esperar, observar e ouvir. Quem gagueja precisa de mais tempo, é assim mesmo! Sempre tem gente que tenta continuar a palavra ou a frase. Em primeiro lugar, interromper alguém é muito ofensivo. Além disso, talvez nem seja isso que eu realmente quisesse dizer. Então fica complicado”, diz Sommer.

Continue Reading
Advertisement

Relógio

Grupo do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Portal Informa Paraíba

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias

TWITTER DO PORTAL INFORMA PARAÍBA

www.informaparaiba.com.br

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias.

Página do Portal Informa Paraíba (Facebook)

ESTADO35 minutos ago

Como garantir que o saneamento chegue a todos?

Nacional1 hora ago

Flávio Bolsonaro altera PEC das praias após tsunami de críticas

CIDADE2 horas ago

Pesquisa do Procon-JP encontra preço do gás de cozinha oscilando entre R$ 79,99 e R$ 110,00

ESTADO2 horas ago

Cagepa substitui 400 mil hidrômetros nos últimos dois anos

ESTADO2 horas ago

Em Campina Grande: conferência discute ações para fortalecer a economia solidária

Saúde2 horas ago

Hospital Metropolitano realiza primeira teleconsulta oncológica do programa Paraíba Contra o Câncer na unidade

Educação & Cultura2 horas ago

Fundação Casa de José Américo inicia edição 2024 do projeto ‘A Escola Vai à FCJA’ com formação de professores

Judiciário2 horas ago

Advocacia de Guarabira aprova apoio a Fábio Mariano e Harrison Targino nas eleições da OAB-PB

Segurança Pública2 horas ago

Marinha censura militares nas redes sociais: proibições se estendem a equipamentos pessoais e fora do serviço

Segurança Pública2 horas ago

Exército esconde mansões de R$ 3,8 milhões para Generais em troca do silêncio

Internacional3 horas ago

Rádio Maria silenciada na Nicarágua em meio à repressão do governo

ENTRETENIMENTO3 horas ago

Boas maneiras essenciais para hoje que ajudarão a Geração Z a prosperar

Saúde3 horas ago

Annelise critica fala do presidente do CRM: “sou contra intervenção do Estado na definição das bolsas de residência médica”

ESTADO3 horas ago

Bolsa Família chega a 668 mil lares paraibanos

Saúde3 horas ago

Opera Paraíba: cirurgias pediátricas beneficiam crianças e adolescentes no Hospital Regional de Guarabira

AGRICULTURA & PECUÁRIA3 horas ago

‘Ou baixava a taxa de juros, ou o dinheiro’, diz assessor especial do Mapa sobre o Plano Safra

AGRICULTURA & PECUÁRIA3 horas ago

Cotações do mercado do boi gordo estão subindo

AGRICULTURA & PECUÁRIA3 horas ago

Prêmios da soja testam melhores patamares do ano comercial 2023/24 e são principal pilar de suporte dos preços no BR

AGRICULTURA & PECUÁRIA3 horas ago

Atualizados os preços mínimos da safra de verão

AGRICULTURA & PECUÁRIA3 horas ago

Preço da maioria das hortaliças e frutas registra queda em junho

AGRICULTURA & PECUÁRIA4 horas ago

Produção mundial de café foi estimada em 176,2 milhões de sacas de 60kg para a safra 2024–2025

Educação & Cultura4 horas ago

MEC ampliará prazos educacionais a estudantes e bolsistas com licença

CONCURSO E EMPREGO4 horas ago

30 dias para o Concurso Nacional Unificado: cheque horários e se organize

Educação & Cultura4 horas ago

Prouni: Publicado edital referente ao 2º semestre de 2024

Educação & Cultura4 horas ago

MEC investe R$ 449,1 mi para infraestrutura da Rede Federal

Educação & Cultura4 horas ago

Prouni 2/2024: aberta consulta às bolsas ofertadas

Segurança Pública4 horas ago

Projeto torna crime fazer saudação de organização criminosa

Educação & Cultura4 horas ago

CDH: projeto exige que universidades estimulem idosos a entrar na graduação

Esporte4 horas ago

Aprovado vale-cultura para atividades esportivas

CIÊNCIA & TECNOLOGIA5 horas ago

WhatsApp deixará de funcionar em celulares básicos; saiba quais

Internacional12 meses ago

Cidade alemã passa a distribuir gratuitamente filtro solar

AGRICULTURA & PECUÁRIA6 meses ago

Com produtor revisando tamanho da safra, 2024 inicia cercado de incertezas para a soja

Internacional6 meses ago

Secretário-geral da ONU condena atos criminosos no Equador

ENTRETENIMENTO10 meses ago

Conheça Rocco, um cão mistura de rottweiler com husky siberiano: ‘Parece o Batman’

ENTRETENIMENTO12 meses ago

JIBÓIA

CONCURSO E EMPREGO7 meses ago

Carreiras em Extinção? Veja Quais Podem Sumir

Nacional11 meses ago

CNS reconhece religiões afro como complementares ao SUS

ECONOMIA7 meses ago

Calendário do Bolsa Família 2024: saiba quando você vai receber

Internacional7 meses ago

Fome já é generalizada em Gaza, alerta ONU

CIDADE7 meses ago

Polêmica em Princesa Isabel: Vereadores aprovam aumento salarial próprio e do Executivo

AGRICULTURA & PECUÁRIA7 meses ago

Número de IGs cresceu 60% em quatro anos no Brasil

Saúde7 meses ago

OS PRINCIPAIS LEGUMES E VERDURAS QUE AJUDAM A PREVENIR DOENÇAS CRÔNICAS

Internacional7 meses ago

Israel quer controlar e fechar fronteira entre Gaza e Egito

Judiciário11 meses ago

Informativo destaca não exigência de provas para fixação de indenização mínima por danos morais

Judiciário10 meses ago

Entender Direito: especialistas discutem os embargos de divergência

Educação & Cultura7 meses ago

Campina Grande entra na disputa e poderá ser escolhida para receber nova Escola de Sargentos do Exército após impasse em Pernambuco

ENTRETENIMENTO7 meses ago

HORTÊNSIAS

Internacional7 meses ago

“Perdas, dor e angústia” após ataques aéreos marcam o início do ano na Ucrânia

CIÊNCIA & TECNOLOGIA7 meses ago

Vale a pena usar um gerador de conteúdo para redes sociais?

Nacional7 meses ago

TCU pede que ministra da Saúde pague R$ 11 milhões a cofres públicos

ENTRETENIMENTO6 meses ago

PASSEIO MOSTRA COMO É UM BORBOLETÁRIO

Judiciário2 meses ago

Juízes comemoram inclusão do Judiciário entre atividades de risco

ENTRETENIMENTO5 meses ago

1º Cabedelo MotoFest: prepare-se para uma explosão de emoções na praia do Jacaré!

CIÊNCIA & TECNOLOGIA12 meses ago

Como sair do grupo de WhatsApp anonimamente e ninguém ver

ESTADO8 meses ago

Energisa reúne empresas de telecomunicações para tratar sobre segurança na disposição de cabos em postes 

Nacional11 meses ago

EXCLUSIVO – Leia na íntegra o pronunciamento de 7 de setembro de Lula

ENTRETENIMENTO12 meses ago

Assistam ao filme “Tropa de elite 2 – O inimigo agora é outro” e reflitam

Internacional4 meses ago

China

CIÊNCIA & TECNOLOGIA12 meses ago

SÍLVIO MEIRA FALA SOBRE A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

CONCURSO E EMPREGO9 meses ago

Concurso da PMPB pode ser suspenso? Jurista avalia

AGRICULTURA & PECUÁRIA2 semanas ago

QUEIJO AZUL, FEITO COM LEITE DE OVELHA, GANHA SELO ARTESANAL

Nacional2 semanas ago

DESMATAMENTO CAI NA AMAZÔNIA, MAS CRESCE NO CERRADO

CONCURSO E EMPREGO2 semanas ago

EMPRESA PREVÊ MULHERES EM 50% DOS CARGOS DE GESTÃO

ECONOMIA2 semanas ago

PIX TERÁ OPÇÃO DE PAGAMENTO POR APROXIMAÇÃO

Internacional2 semanas ago

O IMPACTO DA TROCA NO PODER DO REINO UNIDO APÓS 14 ANOS

Educação & Cultura2 semanas ago

ENEM DOS CONCURSOS: NOVO EDITAL É DIVULGADO COM POLÍTICA DE REEMBOLSO

AGRICULTURA & PECUÁRIA2 semanas ago

GOVERNO FEDERAL ANUNCIA PLANO SAFRA 2024/2025

Nacional2 semanas ago

SECA NO PANTANAL PODE CHEGAR A PONTO DE NÃO RETORNO

Saúde2 semanas ago

ESTUDO COMPROVA EFICÁCIA DE MEDICAMENTO CONTRA O CÂNCER DE PULMÃO

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

RECEITA DO BOLO TENTAÇÃO

CIÊNCIA & TECNOLOGIA2 semanas ago

RELIGIÃO E CIÊNCIA

ECONOMIA2 semanas ago

BC MUDA MECANISMO DE RESSARCIMENTO A VÍTIMAS DE FRAUDES

ENTRETENIMENTO2 semanas ago

MANACÁ-DA-SERRA COMO CULTIVAR

Saúde3 semanas ago

BRASILEIRA DESCOBRE AÇÃO DE PROTEÍNA EM CASOS GRAVES DE COVID

ECONOMIA3 semanas ago

COMO IRÁ FUNCIONAR A NOVA META DE INFLAÇÃO DO BRASIL

CONCURSO E EMPREGO3 semanas ago

ENVELHECIMENTO MUDA DEMANDAS E VAGAS NO MERCADO DE TRABALHO

Internacional3 semanas ago

BOLÍVIA EM TENSÃO: ENTENDA EM 4 PONTOS A CRISE POLÍTICA NO PAÍS VIZINHO

ENTRETENIMENTO3 semanas ago

SAVANNAH: O HÍBRIDO SELVAGEM DE GATO COM SERVAL

Educação & Cultura3 semanas ago

FIM DA GREVE NAS UNIVERSIDADES FEDERAIS

CONCURSO E EMPREGO3 semanas ago

BRASIL TEM MAIS DE 2 MILHÕES DE VAGAS EM CARGOS TÉCNICOS SOBRANDO

Nacional3 semanas ago

COMO MILHARES DE FAMÍLIAS GAÚCHAS FICARAM MAIS POBRES DO DIA PARA A NOITE

ENTRETENIMENTO3 semanas ago

ESTROGONOFE DE TILÁPIA FEITO NO FORNO VAI TE SURPREENDER

ENTRETENIMENTO3 semanas ago

TRÊS DICAS PRA CUIDAR BEM DAS ORQUÍDEAS

Politíca4 semanas ago

“RESULTADOS PODEM NÃO AGRADAR, MAS ELEIÇÕES LIVRES SÃO A FORÇA DA DEMOCRACIA”

Educação & Cultura4 semanas ago

PISA: O BRASIL NO RANKING INTERNACIONAL

ENTRETENIMENTO4 semanas ago

CHICO BUARQUE: 80 ANOS DE CRIATIVIDADE

CIÊNCIA & TECNOLOGIA4 semanas ago

COMO NVIDIA VIROU A EMPRESA MAIS VALIOSA DO MUNDO?

AGRICULTURA & PECUÁRIA4 semanas ago

TECNOLOGIA AJUDA NO MANEJO E PREVENÇÃO DE DOENÇAS

Saúde4 semanas ago

ESPECIALISTAS CRITICAM A MUDANÇA NA LEI DO ABORTO

ENTRETENIMENTO4 semanas ago

TURISMO RURAL EM ROTA

Advertisement
Advertisement

Vejam também

Somos o Portal Informa Paraíba, uma empresa de marketing e portal de informações que oferece um noticioso com assuntos diversos. Nosso objetivo é fornecer conteúdo relevante e atualizado para nossos leitores, mantendo-os informados sobre os acontecimentos mais importantes. Nossa equipe é composta por profissionais experientes e apaixonados por comunicação, que trabalham incansavelmente para oferecer um serviço de qualidade. Além disso, estamos sempre em busca de novas formas de melhorar e inovar, para podermos atender às necessidades e expectativas de nossos clientes. Seja bem-vindo ao nosso mundo de informações e descubra tudo o que o Portal Informa Paraíba tem a oferecer. Fiquem bem informados acessando o Portal Informa Paraíba: www.informaparaiba.com.br