Connect with us

Internacional

Alemanha concede Ordem do Mérito a sobrevivente de Auschwitz

Zilli Schmidt é “lutadora incansável contra o ódio, segregação e extremismo de direita”, afirma presidente alemão. Ela sobreviveu ao genocídio dos sinti e roma pelos nazistas e hoje conta sua história aos jovens

A sobrevivente do Holocausto Zilli Schmidt recebeu a Ordem do Mérito da República Federal da Alemanha, a máxima expressão de reconhecimento concedida pelo país, comunicou nesta quarta-feira (07/04) a Presidência da República em Berlim.

“Por seu intermédio sabemos hoje mais sobre o sofrimento dos sinti e roma e também muito mais sobre a sua vida, música e sua cultura”, escreveu o presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, na carta em que concede a Ordem do Mérito a Zilli Schmidt.

“Mesmo hoje – aos 96 anos! – a vivenciamos como uma lutadora incansável contra o ódio, a segregação e o extremismo de direita”, declarou o chefe de Estado.

Por causa da pandemia de covid-19, a cerimônia de entrega da honraria foi suspensa e ocorrerá em outro momento.

“Nenhum deles ainda vivia”

Zilli Schmidt lançou em setembro um livro de memórias, em que relembra os dias felizes da infância e, depois, a prisão, a fome, os assassinato, também de crianças, e, por fim, o extermínio nazista.

À DW, Zilli conta qual é a missão que deu a si mesma: dizer o que os nazistas fizeram com os sinti. “Todos morreram nas câmaras de gás, toda a minha família, toda a minha gente.” Depois da guerra, o que se ouvia era: “Os judeus foram mortos. Mas, e os sinti, eles ainda vivem?” Ela faz uma pausa: “Nenhum deles ainda vivia.”

Em 2 de agosto de 2018, ela falou pela primeira vez publicamente sobre a sua vida, durante uma cerimônia em memória aos sinti e roma assassinados na Europa, no memorial em Berlim. “Eu falei em nome da minha gente”, afirma. Ela disse ter se alegrado por muitas pessoas jovens estarem presentes. “A juventude não foi esclarecida, eles não aprenderam isso na escola.”

Ela diz que não é fácil relembrar o que aconteceu. “Eu tinha uma filha comigo – não, não.” As lembranças a assombram. “Quando sonho, estou de novo em Auschwitz.” Ela diz que, à noite, caminha pela casa, chora e já há muitos anos precisa tomar antidepressivos.

Filha Gretel da sobrevivente de Auschwitz Zilli Schmidt
A filha Gretel, assassinada no campo de concentração de Auschwitz-Birkenau

Família assassinada em Auschwitz

A filha dela, Gretel, “minha querida menina”, teria hoje 80 anos. No campo de concentração, a pequena questionava a mãe sobre a fumaça que saía das chaminés. “Mamãe, estão de novo queimando pessoas?” Zilli conta que negava: “Não, apenas estão fazendo pão.”

Gretel foi morta quando tinha 4 anos e 3 meses: em 2 de agosto de 1944, nas câmaras de gás de Auschwitz-Birkenau, assim como os pais de Zilli, a irmã Guki e os seis filhos dela, quando a SS (organização paramilitar do regime nazista) acabou com o chamado “campo de famílias ciganas”.

Apenas naquela noite, a SS assassinou cerca de 4.300 pessoas, desesperadas e aos gritos, em um dia fatal no genocídio do povo sinti e roma, conhecido como Porajmos.

Assim como outros detentos que podiam trabalhar, Zilli, então com 20 anos, foi levada embora antes do extermínio. O pai queria salvar Gretel e a manteve consigo. No momento de ser levada embora, Zilli correu do trem para onde estava sua família, mas o médico da SS, Josef Mengele, lhe deu um tapa no rosto e a obrigou a retornar ao vagão. “Ele salvou a minha vida, mas não me fez nenhum favor.”

No campo de concentração de Ravensbrück, para onde foi transportada, ela ficou sabendo o que acontecera com a sua família. Em desespero, caiu no chão e chorou.

“Uma família feliz”

Zilli Schmidt nasceu em 1924, com o nome de Cäcilie Reichmann, na Turíngia, numa família de artistas ambulantes que entretinha o público com cinema e música. “Éramos uma família feliz”, ela relata no seu livro. O trailer com que a família se deslocava nos verões havia sido construído pelo pai. O irmão tocava violino, e a mãe a as irmãs vendiam rendas de porta em porta.

Os caçulas, Zilli e o irmão Hesso, frequentavam a escola na estrada. No inverno, eles ficavam meses na mesma escola, na Turíngia ou na Baviera. Os professores os colocavam nas últimas fileiras. Às vezes eram alvos de gozações dos colegas. “Ciganos, ciganos”, lembra Zilli, hoje, mais de 90 anos depois. Ela diz que se defendia de agressões com o seu estojo escolar.

Quando os nazistas chegaram ao poder, em 1993, o pai disse que não estava preocupado. “Só vão levar embora os criminosos”, explicou. Ele se sentia seguro, pois não havia cometido nenhum crime. Em 1939, quando a Segunda Guerra Mundial começou, um irmão de Zilli, Stifto, servia na Wehrmacht (Forças Armadas do regime nazista). Ele esteve na Rússia e na França. “Éramos parentes de um soldado da Wehrmacht.”

Mas isso tudo não interessava ao Estado nazista, que perseguiu as minorias e levou adiante uma política racista de segregação e extermínio. Quando parentes já haviam sido detidos e enviados para o campo de concentração de Buchenwald, a família Reichmann atravessou a Alemanha para tentar fugir para a França. Tudo em vão. Zilli foi detida em Estrasburgo, ao lado de sua prima. O crime anotado pela polícia: “Ciganas.”

“Deus me ajudou”

Zilli Reichmann passou por várias prisões até chegar ao campo de Lety, na atual República Tcheca. De lá ela conseguiu fugir, mas foi de novo detida.

Em março de 1943, um detento de Auschwitz tatuou o número Z1959 no braço dela. Ela foi a primeira da família Reichmann a ser colocada no “campo de famílias ciganas”. Lá enfrentou a fome, a sede, as doenças, a violência e testemunhou a morte. O nome dela esteve duas vezes na lista para as câmaras de gás.

Uma vigia chegou a atirar nela, mas errou por pouco. Junto com a prima Tilla ela conseguiu fugir de um campo secundário e sobreviveu à guerra. “Deus me ajudou. Eu, sozinha, não teria conseguido”, conta. Ela é uma das últimas testemunhas vivas do extermínio dos sinti e roma pelos nazistas.

“Eu não esqueço e vou contar a minha história até fechar os meus olhos e me encontrar com Deus.”

Parceiros

TV CÂMARA MUNICIPAL DE JOÃO PESSOA – CMJP AO VIVO

 

CALENDÁRIO

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Grupo do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Portal Informa Paraíba

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias

TWITTER DO PORTAL INFORMA PARAÍBA

www.informaparaiba.com.br

Fiquem bem informados em um site que escreve notícias.

Página do Portal Informa Paraíba (Facebook)

Politíca4 horas ago

Gervásio diz que Bolsonaro precisa ser responsabilizado pela recusa de 100 milhões de doses da vacina Pfizer

CIDADE4 horas ago

Chuvas: vereador pede providências para evitar alagamentos

CIDADE4 horas ago

Bancos terão que visitar clientes idosos ou deficientes para comprovação de vida

Politíca4 horas ago

Deputado Federal Ruy Carneiro cobra urgência na liberação dos recursos da Lei Aldir Blanc

CIDADE5 horas ago

Ministério Público dá prazo para PMCG prestar informações sobre vacinação de grupos prioritários

CIDADE5 horas ago

MPPB e secretarias de João Pessoa discutem importância de ações integradas e de orçamento para efetivar Plano de Atendimento Socioeducativo

CIDADE5 horas ago

Pandemia: MPPB recomenda cancelamento de vaquejada em Mogeiro

ESTADO5 horas ago

João Azevêdo e embaixador dos EUA assinam memorando de entendimento e estabelecem parcerias em áreas estratégicas para o desenvolvimento do estado

Judiciário5 horas ago

Habeas Data – O remédio constitucional brasileiro para a proteção de dados

Judiciário5 horas ago

O que é período de graça do INSS?

Judiciário5 horas ago

É crime deixar de declarar o imposto de renda?

ECONOMIA5 horas ago

LUCRO DO BNDES SEGUE EM ALTA E CRESCEM DESEMBOLSOS PARA ATENDER NECESSIDADES DURANTE CRISE

Saúde5 horas ago

AME: a doença que possui o tratamento mais caro do mundo

ESTADO5 horas ago

Detran-PB amplia atendimento para candidatos à CNH

Educação & Cultura5 horas ago

Divulgado resultado preliminar de processo seletivo para bolsa-estágio na UFPB

Educação & Cultura5 horas ago

UFPB desenvolve aplicativo em cinco idiomas para ajudar idosos com lombalgia

Politíca6 horas ago

Jutay articula ações para educação e moradia e cobra 30% do recurso da merenda para compra de produtos da agricultura familiar

CIDADE8 horas ago

Leo Bezerra dá posse ao novo procurador aprovado em concurso da Prefeitura de João Pessoa

CIDADE8 horas ago

Clientes de Bayeux podem renegociar débitos em mutirão itinerante da Energisa

Politíca9 horas ago

Vice-Presidente do Senado, Veneziano articula para aprovar e tornar lei o piso nacional da enfermagem

Agricultura e Pecuária9 meses ago

Akatsuki: todos os membros, a história e poderes de cada um | Naruto

Agricultura e Pecuária8 meses ago

Saga Crepúsculo: a ordem correta para assistir aos filmes

Internacional9 meses ago

Polícia invade orgia gay “regada a drogas” de padres do Vaticano

Saúde10 meses ago

Engolir esperma pode ser uma arma contra o coronavírus?

Nacional8 meses ago

Como calcular os votos para eleição de vereador 2020

Internacional6 meses ago

Imagens mostram Joe Biden em atitude imprópria com crianças

Internacional10 meses ago

Cidades dos EUA registram confrontos em atos antirracismo

CIDADE9 meses ago

Tentaram assassinar a pré-candidata a prefeita da cidade do Conde Karla Pimentel

Judiciário10 meses ago

Política Nacional de Turismo não impede cobrança de direitos autorais em estabelecimentos de hospedagem

Segurança Pública9 meses ago

Comando Vermelho vira preocupação de Bolsonaro; entenda

Internacional10 meses ago

Economia alemã tem retração histórica

Nacional10 meses ago

Estados e municípios poderão ter mais prazo para se adequarem à reforma da Previdência

Tecnologia3 meses ago

Facebook admite que “cometeu um erro” ao censurar hidroxicloroquina

Agricultura e Pecuária9 meses ago

30 espécies de morcegos muito bizarras para serem consideradas morcegos

CIDADE4 meses ago

“Animais jamais serão sacrificados na nossa cidade”, diz prefeito de cidade paraibana de Brejo do Cruz

Nacional10 meses ago

Senadores avaliam queda da arrecadação federal e aumento da previsão de deficit

CIDADE7 meses ago

Juiz vê “gritante contradição” e determina suspensão de pesquisa Datavox em Bayeux sob pena de multa de R$ 100 mil

CIDADE5 meses ago

MAIS UM ESCÂNDALO EM BAYEUX: vereadores são “obrigados” a assinar carta-renúncia e fazer um pré-acordo na tentativa de eleger Noquinha o presidente da Câmara; entenda

Tecnologia4 meses ago

AMPLIAÇÃO DO ACESSO À INTERNET NO CAMPO AUMENTARIA O PIB EM ATÉ 1,2% AO ANO

CIDADE7 meses ago

CONDE – Policia atira por trás e quase assassina Karla Pimentel

Tecnologia1 dia ago

AUMENTO DA ENERGIA ELÉTRICA ACENDE O SINAL DE ALERTA NOS CONSUMIDORES

Saúde1 dia ago

COVID LONGA EM CRIANÇAS: COMO IDENTIFICAR SINTOMAS E SEQUELAS DA DOENÇA

Tecnologia1 dia ago

HIDROGÊNIO VERDE SERÁ A ENERGIA DO FUTURO?

Saúde1 dia ago

A DOENÇA CEREBRAL MISTERIOSA QUE INTRIGA MÉDICOS NO CANADÁ

Educação & Cultura1 dia ago

INVESTIMENTO EM TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO NÃO É NOVIDADE NO URUGUAI

Saúde2 dias ago

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE A VACINA DA PFIZER

ENTRETENIMENTO2 dias ago

COMO MITO DAS ESTÁTUAS BRANCAS SURGIU E ALIMENTOU FALSA IDEIA DE SUPERIORIDADE

Educação & Cultura2 dias ago

PESQUISADOR CRIA GLOSSÁRIO DA LÍNGUA FALADA PELOS PRODUTORES DA BEBIDA

Educação & Cultura2 dias ago

PLAYERS QUE ESTÃO REVOLUCIONANDO A EDUCAÇÃO

Educação & Cultura2 dias ago

EDUCAÇÃO COMO A BASE DE UMA SOCIEDADE MAIS IGUALITÁRIA

ECONOMIA2 dias ago

IMPOSTO NO SETOR DE CACHAÇA PODE CHEGAR ATÉ 80% COM REFORMA TRIBUTÁRIA

Tecnologia4 dias ago

A ferramenta capaz de desvendar as misteriosas propriedades do grafeno

ENTRETENIMENTO4 dias ago

QUEM FOI AGRIPINA, A MULHER MAIS PODEROSA DO IMPÉRIO ROMANO

Educação & Cultura4 dias ago

O QUE SÃO OS ALGORITMOS E COMO ELES APRENDEM COM VOCÊ

ECONOMIA4 dias ago

CONSUMIDORES FAZEM COMPRAS EM GRUPOS E CONSEGUEM ECONOMIZAR

ECONOMIA4 dias ago

BNDES SUSPENDE FINANCIAMENTO DO PLANO SAFRA 20/21

Tecnologia4 dias ago

SPACEX STARSHIP: FOGUETE ESCOLHIDO PARA LEVAR HOMEM À LUA POUSA COM SUCESSO

Internacional4 dias ago

ARÁBIA SAUDITA SUSPENDE IMPORTAÇÕES DE CARNE DE AVES

ECONOMIA4 dias ago

PREÇOS DO ARROZ E DO FEIJÃO SUBIRAM 60% NO ÚLTIMO ANO

Nacional4 dias ago

ROBERTO RODRIGUES SUGERE UNIÃO DE ESFORÇOS CONTRA FOME

Parceiros

INFORMA PARAÍBA

    Parceiros

    Vejam também

    pt_BRPortuguês do Brasil
    Powered by TranslatePress »